Últimas Notícias > Colunistas > Lei de Abuso da Autoridade

A prefeitura deve encaminhar à Câmara de Vereadores um projeto que autoriza o financiamento de 80 milhões de reais do BNDES para a segurança pública de Porto Alegre

Medida foi anunciada durante a entrega de viaturas à Guarda Municipal. (Foto: Joel Vargas/PMPA)

Ainda neste mês, a prefeitura de Porto Alegre pretende encaminhar à Câmara de Vereadores, em regime de urgência, um projeto-de-lei que autoriza o financiamento de R$ 80 milhões do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento) para investimentos em segurança pública. Segundo a administração municipal, o valor representa quase o triplo (171%) do que foi investido pela capital gaúcha nos últimos dez anos no setor.

“Apesar de não ser obrigação constitucional do Executivo Municipal, a gestão concentra esforços para ampliar as ações de combate e prevenção à violência”, ressaltou o prefeito Nelson Marchezan Júnior. Este novo investimento de R$ 80 milhões será o maior da década na segurança dos porto-alegrenses.”

“A medida também representa o esforço do Paço Municipal para recuperar a capacidade de investimento não apenas em segurança, mas também em outras áreas essenciais, como saneamento, saúde, educação e infraestrutura”, prosseguiu. “Nos dois primeiros anos, a prefeitura se concentrou na aprovação das reformas estruturais de reequilíbrio da situação financeira. E depois de 20 anos com as contas no vermelho, estamos conseguindo olhar para a frente e ver o horizonte azul das finanças públicas.”

Ao elogiar o esforço conjunto dos vereadores para aprovar medidas amargas de reequilíbrio financeiro, o prefeito convocou a vereança a se mobilizar mais uma vez pela aprovação de um projeto importante para a cidade. Após o período de ajuste fiscal, a administração se volta agora para melhorar a qualidade dos serviços.

“O município retomou a capacidade de financiamento e isso somente foi possível devido ao trabalho conjunto com os vereadores para aprovar as reformas de que a Capital tanto precisava”, finalizou o chefe do Executivo municipal.

Guarda Municipal

O anúncio foi feito por Marchezan nessa segunda-feira, durante a cerimônia de entrega de 19 viaturas à Guarda Municipal. Os veículos, avaliados em R$ 2,35 milhões, foram adquiridos por meio de emenda parlamentar do então deputado federal Marchezan Júnior.

Esse novo lote de veículos tem por objetivo reforçar as ações de segurança e os patrulhamentos preventivos na cidade. São 13 veículos modelo Sedan e seis caminhonetes 4 x 4, no valor de R$ 2,35 milhões, adquiridos por meio de emenda parlamentar do então deputado federal e atual prefeito, Nelson Marchezan Júnior.

As viaturas possuem instrumentos operacionais de viaturas policiais e são dotados de sistema móvel de vídeo digital, que permite o registro, armazenamento e suporte para transmissão de áudio e imagens. Também foram entregues equipamentos adquiridos com recursos próprios do Município, no valor total de R$ 546.912,20.

Além do sistema móvel de vídeo digital e do GPS, cada viatura está equipada com duas câmeras, com modo de visão noturna (infravermelho) e sensor G, para registro de manobras bruscas e em alta velocidade. As seis caminhonetes tipo “4×4” possuem também compartimento para transporte de detidos. O espaço tem ventilação, iluminação e câmeras de videomonitoramento internas.

Foram repassados ainda 36 pistolas calibre .380; 10 espingardas (em fase de documentação para posterior entrega), 300 cassetetes modelo PR24, 39 dispositivos elétricos incapacitantes (sparks), 140 espargidores de espuma de pimenta e 30 granadas explosivas.

(Marcello Campos)

Deixe seu comentário: