Últimas Notícias > Notícias > Mundo > Mulher do brasileiro Carlos Ghosn, ex presidente da Renault-Nissan, apela por ajuda de Bolsonaro

Adolescente confessa morte de menina encontrada perto de açude em São Gabriel

Local onde foi encontrado o corpo da criança. Divulgação Polícia Civil)
por Kyane Sutelo

Um adolescente de 17 anos que cuidava da menina de 2 anos e 11 meses encontrada morta próximo a um açude, confessou o assassinato. Conforme o delegado José Soares Bastos informou à equipe do O Sul, o jovem será encaminhado ao Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) de Santa Maria. O caso  ocorreu no último sábado (20), em São Gabriel.

De acordo com Bastos, a mãe de Cauane Victoria Rodrigues Veloso saiu de casa, deixando a menina e outras  duas crianças aos cuidados de dois adolescentes. Na manhã de sábado, o corpo da vítima foi encontrado às margens de um açude, próximo à residência da vítima. O delegado informou que a perícia foi realizada no mesmo dia, além da oitiva de alguns envolvidos, levando os policiais a suspeitarem de um dos adolescentes.

O assassino confesso da menina era irmão das outras crianças que estavam na casa, um menino de dois anos e uma menina de 5. A polícia voltou a interrogá-lo nessa segunda-feira e ele confessou o crime.

Segundo o laudo de necropsia, a menina morreu por hemorragia externa associada a asfixia, devido a golpes de faca na região do pescoço.

*Com colaboração de Caderno7

Deixe seu comentário: