Últimas Notícias > Bem-Estar > Levantar pesos rapidamente pode significar vida longa

Ajax derruba a Juventus com uma vitória gigante e volta à semifinal da Liga dos Campeões após 22 anos

Mesmo marcando um gol, Cristiano Ronaldo não conseguiu evitar a derrota do seu time. (Foto: Reprodução)

A terça-feira (16) de Liga dos Campeões em Turim, na Itália, foi de quebra de paradigmas: um gigante voltou, e o outro caiu. O Ajax venceu a Juventus de forma incontestável por 2 a 1 e voltará a disputar uma semifinal de Liga dos Campeões após 22 anos. Já Cristiano Ronaldo, que abriu o placar e viu Van de Beek e De Ligt virarem, cai precocemente após oito temporadas em sequência chegando às semis da Champions.

Após o empate em 1 a 1 em Amsterdã, o Ajax levou a vaga de forma segura com a vitória por 2 a 1 (mesmo se sofresse o empate se classificaria, por conta dos gols marcados fora). Agora o jovem time comandado espera o vencedor de Manchester City x Tottenham para conhecer seu adversário na semifinal. Na ida, os Spurs venceram por 1 a 0 em Londres e jogam agora pelo empate.

Primeiro tempo

A etapa inicial foi mais equilibrada do que a encomenda, e o Ajax desceu para o intervalo, por exemplo, com mais posse de bola (53% x 47%). Sem muito espaço na fechada defesa holandesa, a Velha Senhora usou de sua principal arma para abrir o placar aos 27. Cristiano Ronaldo fugiu bem na marcação e usou a cabeça para finalizar. Seis minutos depois, entretanto, Van de beek recebeu na área da Juve e mandou no canto para deixar tudo igual.

Segundo tempo

A classificação do Ajax passa necessariamente pela sua atuação na volta do vestiário. Impecável na defesa e mortal no contra-ataque, o time de Erik ten Hag foi criando as chances com naturalidade, enquanto a Juve só apelava para o chuveirinho na área – sem oferecer perigo. De tanto pressionar, o Ajax saiu na frente em cabeçada de De Ligt aos 21. David Neres ainda perdeu grande chances, Ziyech teve gol anulado, e o triunfo por 2 a 1 acabou até barato.

O gigante voltou

Tetracampeão, a última delas em 1994/95, o Ajax vai em busca do quinto título para igualar Bayern de Munique, Barcelona e Liverpool (só Milan e Real Madrid têm mais conquistas). Após passar por três fases da pré-Champions, o time holandês está de volta às semifinais pela primeira vez desde a temporada 1996/97 (quando foi derrotado pela Juventus).

O gigante caiu

Cristiano Ronaldo mostrou mais uma vez seu poder de decisão na competição continental. Marcou pelo sétimo jogo seguido de quartas de final da Champions, mas estará fora das semifinais pela primeira vez desde a temporada 2009/10, sua primeira pelo Real, quando caiu nas oitavas diante do Lyon.

 

Deixe seu comentário: