Últimas Notícias > Atividades Empresariais > Fabulosa Fábrica de Cerveja oferece experiência inédita em Gramado

Aos 45 anos, morre a ex-Miss Universo Chelsi Smith

Em 1995, Chelsi foi coroada no Miss Universo. (Foto: Reprodução)

A norte-americana Chelsi Smith, coroada Miss Universo no ano de 1995, morreu no último sábado (8), aos 45 anos, por conta de uma doença com a qual já sofria há algum tempo, de acordo com um comunicado emitido por sua família.

O concurso de beleza lamentou a perda de uma de suas coroadas em uma publicação no Instagram. “O Miss Universo envia sinceras condolências à família e aos amigos de Chelsi Smith, Miss Estados Unidos e Miss Universo 1995”, escreveu o perfil do Miss Universo na rede social.

Nascida na Califórnia, em 1973, Chelsi Smith foi eleita Miss Texas e, em 1995, ganhou o Miss Estados Unidos. No mesmo ano, representou o país no Miss Universo e venceu o concurso, realizado pela primeira vez na África. Na Namíbia, Chelsi foi coroada e quebrou um jejum de 15 anos sem títulos norte-americanos no Miss Universo.

Segundo o site norte-americano TMZ, especializado em cobertura de celebridades, Chelsi lutava contra um câncer no fígado.

Espanha

Primeira transexual a vencer o Miss Espanha, a bela Angela Ponce está na contagem regressiva para um feito ainda maior. Ela publicou em sua conta no Instagram a foto oficial como representante de seu país ao título de Miss Universo, que será realizado no dia 17 de dezembro, na Tailândia.

“Não consigo expressar em palavras o que sinto ao publicar minha primeira foto da sessão oficial como Miss Universo Espanha. Há um sentimento indescritível que percorre meu corpo. Me sinto orgulhosa por ter cumprido tudo o que prometi a mim mesma quando criança, sendo uma menina. Hoje, como mulher, sinto não apenas o peso de uma coroa, mas o grande peso de levar o nome da minha nação. As cores, cultura e diversidade de cada uma das mulheres que compõem o meu amado país”, escreveu Angela, de 26 anos.

Miss Universo 50 graus

Rita Sales Almoforado, de 82 anos, foi eleita a “Miss Universo 50 graus, a beleza na melhor idade”, concurso realizado em Salvador, na Bahia. O evento contou com o desfile das 11 candidatas, com idades entre 64 e 82 anos, além da performance do ator transformista Bagageryer Spielberg, criador do concurso.

As candidatas inscritas escolheram onze países para representar durante a festa. Além da beleza, elas foram avaliadas em quesitos como simpatia, elegância, conhecimento e desenvoltura.

A vencedora, Rita Almoforado, por exemplo, representou a França. Além dela, outras duas candidatas ganharam o prêmio de segundo e terceiro lugar. Foram elas: Tânia Regina, de 64 anos (Miss Egito), e Vilma Urpia, de 73 (Miss Portugal). O concurso que completou 15 anos em 2018 e premiou as vencedoras com troféus, faixas, um mês grátis em academias, pilates, salões de beleza, maquiagem e roupas.

Deixe seu comentário: