Terça-feira, 21 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Light Rain

Rio Grande do Sul Após o acerto com Luan, o Corinthians está de olho em quatro nomes, incluindo um volante colombiano e um atacante do Goiás

O volante Víctor Cantillo, do Junior Barranquila, é um dos cotados. (Foto: Divulgação/Junior Barranquilla)

Após anunciar o meia-atacante Luan, ex-Grêmio, como o primeiro reforço para a temporada de 2020, o Corinthians promete continuar forte no mercado de contratações, com pelo menos quatro nomes no “radar”. A lista inclui um estrangeiro e três brasileiros, um deles atuando no Leste Europeu.

O clube paulista tenta avançar nas tratativas para contar com o volante Víctor Cantillo, 26 anos, do Junior Barranquila, da Colômbia. Vale ressaltar que as negociações com colombiano de 26 anos estão no início.

“Não há nada avançado”, relata uma fonte ligada ao negócio. Cantillo foi um pedido do técnico Tiago Nunes, ex-Athletico do Paraná e que assume o time paulista em janeiro. Ele chamou a atenção do treinador na final da Sul-Americana do ano passado, quando o Athletico conquistou o título contra o Barranquila.

O Corinthians também não desistiu da contratação do atacante Michael, do Goiás. A proposta é de R$ 20 milhões por 50% dos direitos econômicos, além de jogadores para abater o valor. O Goiás, por sua vez, pretende receber R$ 50 milhões por 70% que lhe pertence dos direitos federativos do atleta.

Além de Cantillo e Michael, o clube paulista segue em busca de um lateral-esquerdo. Há dois nomes na mira: Sidcley, do Dínamo de Kiev, da Ucrânia, e Jorge, que disputou o Campeonato Brasileiro pelo Santos, mas pertence ao Monâco, da França. O Corinthians estaria avaliando os valores para investir em apenas um desses dois jogadores.

Não há preferência. A ideia é contratar por empréstimo e fechar com o mais barato. No caso de Sidcley, o negócio também não é simples. A reportagem apurou que o Corinthians tem ciência do valor exigido pelo clube ucraniano para liberar o lateral por empréstimo por uma temporada. O clube de Parque São Jorge já enviou contraproposta com valor abaixo do que foi pedido pelo Dínamo e aguarda uma posição.

Luan

A contratação de Luan – por quatro temporadas – foi confirmada na tarde de sábado pela direção do Grêmio, detalhando um valor de 5 milhões de euros (R$ 22,7 milhões) pagos pelo clube paulista por 50% dos direitos do meia-atacante – a outra metade segue com o Tricolor gaúcho. O atleta de 26 anos estava em Porto Alegre desde 2013, oriundo do Catanduvense-SP, e chegou a vestir a camisa da Seleção Brasileira em duas partidas de 2017.

Além do acerto com o camisa 7, a negociação também prevê que o Corinthians quitará junto ao Bahia o saldo devedor referente ao lateral-esquerdo Juninho Capixaba, cujos direitos pertencem ao time alvinegro. O jogador está emprestado ao Grêmio desde julho do ano passado e, segundo informações extraoficiais, não deve ter o seu contrato renovado.

“Estou muito feliz, é a realização de um sonho de criança poder vestir essa camisa”, declarou Luan ao site oficial do Corinthians. “Espero corresponder todo o carinho que tenho recebido já nas redes sociais, nas ruas e na própria Arena Corinthians. Chego com muita expectativa e vontade de dar alegria ao torcedor corintiano. Sou mais um ‘louco’ do bando. Vai, Corinthians!”.

Uma nota de agradecimento para o jogador foi postada neste sábado na conta do clube no Twitter: “Luan, obrigado por todos os gols, assistências, títulos e suor que dedicaste ao Tricolor enquanto vestiu o nosso manto. Desejamos força nos próximos desafios da tua carreira!”. A transação era dada como certa desde a noite da última quarta-feira por sites especializados e outros veículos da imprensa.

Voltar Todas de Rio Grande do Sul

Compartilhe esta notícia:

Uma denúncia levou à descoberta de túnel escavado por detentos em presídio no interior gaúcho
Ônibus de excursão que ia para o Paraguai é assaltado no Rio Grande do Sul
Deixe seu comentário
Pode te interessar