Últimas Notícias > Capa – Caderno 1 > Neymar lamenta vaias e admite que queria voltar ao Barcelona, mas afirma: “é página virada”

Bolsonaro adia escolha do novo PGR, diz porta voz

(Wilson Dias/Agência Brasil)

O presidente Jair Bolsonaro adiou novamente a escolha do procurador-geral da República e passou a considerar novos nomes para o cargo. O porta-voz da presidência, Otávio do Rêgo Barros, anunciou que o presidente não deve anunciar nesta terça-feira o nome novo, como havia prometido. “O presidente comentou que em face do número elevado de pessoas qualificados para PGR tem tido dificuldade de fazer uma escolha. No momento adequado ele fará esse anúncio”, afirmou.

Barros confirmou que Bolsonaro recebeu nesta segunda-feira (19) o procurador Lauro Cardoso, como tem recebido outros nomes cotados para o cargo. O nome de Cardoso não consta na lista tríplice apresentada a Bolsonaro pelo Ministério Público.

O nome do subprocurador-geral Antônio Carlos Simões Martins Soares mostrou-se como favorito para assumir a Procuradoria-Geral da República (PGR) no lugar de Raquel Dodge.

Deixe seu comentário: