Últimas Notícias > Notícias > A “Primavera dos Museus” agita a programação cultural de Porto Alegre nesta semana

Bolsonaro afirma que GP de Fórmula 1 voltará a ocorrer no Rio de Janeiro

Para que a mudança ocorra, será necessária a construção de uma pista automobilística em Deodoro (Foto: AP)

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quarta-feira (9) que o Grande Prêmio de Fórmula 1 do Brasil, previsto para ocorrer em 2020, possivelmente será realizado no Rio de Janeiro, e não mais no Autódromo Internacional de Interlagos, em São Paulo. Para isso, será necessária a construção de uma pista automobilística em Deodoro. Em visita à capital fluminense, Bolsonaro assinou um termo de cooperação com o governo do estado e prefeitura para a construção da estrutura.

Através de sua conta oficial no Twitter, o presidente declarou que o novo autódromo levará o nome de Ayrton Senna. O presidente declarou ainda que o investimento será feito através da iniciativa privada. O custo estimado é de R$ 850 milhões. Além disso, anunciou também que pretende transformar a região de Angra dos Reis, no sul fluminense, na nova Cancún brasileira, flexibilizando as regras ambientais que limitam a exploração turística na região.

As declarações do presidente foram dadas após a cerimônia de homenagem aos Pracinhas da II Guerra Mundial.

Deixe seu comentário: