Últimas Notícias > Notícias > Brasil > A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro decide soltar cinco deputados presos pela Operação Lava-Jato

Bombardeio contra migrantes na Líbia deixa ao menos 40 mortos

(Foto: Google Earth)

Um ataque aéreo contra centro de migrantes e refugiados em Tajura, no leste de Trípoli, deixou ao menos de 40 mortos e mais de 70 feridos nesta quarta-feira (3). Segundo o serviço de socorros, o número de vítimas ainda pode aumentar. No momento do ataque, cerca de 120 migrantes estavam no local.

Equipes de socorro reviram os escombros à procura de sobreviventes enquanto forças de segurança coordenam o acesso de dezenas de ambulâncias ao local. Durante os últimos dias, veículos de imprensa favoráveis ao marechal Khalifa Haftar informavam a ameaça de “uma série de ataques aéreos” na região de Trípoli e Tajura. Em Tajura, estão localizadas várias instalações militares controladas pelo GNA, alvo de ataques regulares das forças de Haftar. O ataque teria sido uma vingança do marechal, que recentemente perdeu o controle da cidade de Gharyan, que fica a cerca de 100 km de Trípoli.