Quinta-feira, 21 de Novembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
23°
Fair

Mundo Casal perde a filha assassinada e ainda tem que pagar 200 mil dólares de indenização

Juiz determinou que fabricante não podia ser responsável e ordenou aos pais da vítima que pagassem os custos do processo. (Foto: Reprodução)

“Perdemos nossa filha em um ataque e agora devemos US$ 203 mil ao fornecedor das balas ao atirador”. Com essa frase, Lonnie e Sandy Phillips descreveram a tragédia que vivem há três anos. A filha do casal, Jessica Ghawi, foi uma das 12 vítimas de um massacre no cinema da cidade de Aurora, no Estado americano do Colorado, durante a sessão de estreia do filme .

O assassino, James Holmes, que abriu fogo contra os jovens que estavam no cinema, foi condenado a 12 sentenças de prisão perpétua. Durante seu julgamento, provas apresentadas mostraram que foram registrados 240 marcas de impactos de fragmentos de munição.

Assim, os pais de Jessica decidiram processar as quatro empresas online onde Holmes havia comprado as balas, sendo Lucky Gunner uma delas. Mas um juiz determinou que a Lucky Gunner não podia ser considerada responsável pelas ações de Holmes e ordenou aos pais da vítima que pagassem os custos do processo judicial: US$ 203 mil.

Compartilhe esta notícia:

Deixe seu comentário
Pode te interessar