Últimas Notícias > Colunistas > Fatos históricos do dia 26 de agosto

CCJ do Senado organiza audiências públicas sobre a reforma da Previdência

Texto da reforma deve ser analisado na CCJ em até 60 dias. (Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado)

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado dedicará a semana para debater o texto da reforma da Previdência. Foi aprovado, nesta quarta-feira (14), uma série de pedidos dos senadores para a realização de audiência públicas de discussão da reforma da Previdência. O objetivo é que em todos os dias da próxima semana sejam realizados debates, com exceção da quarta (21), quando a CCJ tem uma sessão deliberativa.

De acordo com o cronograma definido, o primeiro a participar de audiência será o secretário Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho. Também serão ouvidos outros representantes do governo, economistas e especialistas no assunto. Após as audiências públicas, o relator da reforma da Previdência no Senado, Tasso Jereissati, fará a leitura de seu relatório, seguido de um pedido de vista coletiva para que os senadores tenham mais uma semana para analisar o parecer.

A presidente da CCJ do Senado, Simone Tebet, avalia que em 60 dias sejam feitas todas as discussões. A expectativa é de que a votação em primeiro turno do texto em plenário seja feita no dia 18 de setembro, e em segundo turno, no dia 2 de outubro. Caso o Senado faça alguma alteração feita no texto inicialmente aprovado pelos deputados, a proposta volta para ser reanalisada pela Câmara. Aprovada com o mesmo conteúdo, ela segue para promulgação do presidente do Senado, Davi Alcolumbre.

Deixe seu comentário: