Últimas Notícias > Notícias > Brasil > “Governo Central deve fechar 2019 com déficit abaixo de 80 bilhões de reais”, diz o ministro da Economia

Cherini anuncia consenso da bancada gaúcha para emendas de R$ 247 milhões

Coordenador da bancada federal, Giovani Cherini ao anunciar ontem emendas definidas. (Foto: Divulgação)

Coordenador da bancada federal gaúcha, que reúne os 31 deputados federais e os três senadores, o deputado federal Giovani Cherini (PL) confirmou ontem à noite a esta coluna que foram consolidadas as indicações das emendas conjuntas do período 2019/2020 no orçamento da União, com um total de 247 milhões, e 621 mil reais.

Alguns dos setores beneficiados

Alguns dos destaques apontados por Cherini: BR 116, R$ 12.1 milhões. BR 290 terá R$ 11,1 milhões. BR 285 região Vacaria a São José dos Ausentes receberá R$ 10 milhões. Travessia urbana de Santa Maria, com R$ 10 milhões, ponte de Porto Xavier, R$ 10 milhões. Saúde, 83,12 milhões para média e alta complexidade hospitais e Apaes. BR 116 Norte terá R$ 8 milhões. Máquinas para agricultura, patrolas, retroescavadeiras terão R$ 41 milhões, acessos asfálticos R$ 18 milhões, segurança publica 12.4 milhões, além de recursos para universidades, aeroportos regionais e para a Funasa, que terá emenda não impositiva de R$ 240 milhões. Cherini confirma que “o crédito é um esforço de toda a bancada gaúcha,deputados e senadores,e foi resultado de reuniões, conversas que mostraram que o Rio Grande está acima de todas as nossas diferenças”.

Bancadas pedem asfaltamento de Lara da presidência da Assembleia

Em meio ao silêncio de todas as bancadas, o Partido Novo defendeu ontem o afastamento do deputado Luis Augusto Lara (PTB) do cargo de presidente da Assembleia Legislativa, após sua condenação pela Justiça Eleitoral. O líder da bancada do Novo, deputado Fábio Ostermann, apresentou a proposta na reunião de líderes, mas ficou isolado. Apenas o PSOL, mais tarde manifestou apoio à proposta.

Adiada extinção da carreira de oficiais escreventes

Em dia marcado por tensão, devido à condenação do presidente da Casa pelo TRE na véspera, a votação do projeto do Poder Judiciário, que extingue 9 cargos de oficial de arquivo e 486 de oficial escrevente substituindo-os por 495 vagas de Técnico Judiciário foi novamente adiada. A Assembleia suspendeu a sessão de ontem, em razão do falecimento do ex-deputado Tufy Salomão. A expectativa de votação do projeto ficou transferida para a sessão de terça-feira, dia 29.

Baderna anunciada

Grupos políticos de esquerda tentam mobilizar nas redes sociais, ativistas para uma manifestação nesta quarta-feira, defronte a sede do consulado do Chile em Porto Alegre, em apoio aos atos de baderna e vandalismo ocorridos naquele país.

Primeiros sinais da Reforma

A aprovação em segundo turno ontem pelo plenário do Senado do texto-base da Reforma da Previdência produziu no final da tarde de ontem os primeiros sinais positivos na economia: a Bolsa fechou em maior pontuação da história, acima dos 107 mil e o dólar teve queda de 1,327% e terminou o dia sendo negociado a 4,0757 reais.