Últimas Notícias > Notícias > Brasil > A Agência Nacional de Vigilância Sanitária, a Anvisa, aprovou remédio genérico para o tratamento do câncer de próstata

O Grêmio empatou em 1 a 1 com o Vitória-BA e se manteve na vice-liderança do Campeonato Brasileiro

O único gol tricolor foi marcado por Fernandinho (D). (Foto: Ricardo Duarte/Grêmio)

Jogando no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, o Grêmio empatou em 1 a 1 com o Vitória, neste domingo, em partida válida pela trigésima-quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Os baianos saíram na frente com o lateral Patric aos 16 minutos do primeiro tempo e o Tricolor igualou o placar dois minutos depois, com o atacante Fernandinho.

Com esse resultado, o Grêmio chegou a 58 pontos e se manteve na vice-liderança da competição, mas poderá ser ultrapassado pelo Santos, que tem um ponto a menos e enfrenta fora de casa a Chapecoense na noite desta segunda-feira. Já o Vitória chegou aos 39 pontos e continuou na décima-sexta posição.

O maior favorecido pelo empate, no entanto, não estava no Rio Grande do Sul: o Corinthians, que agora depende apenas de uma vitória para garantir o título nacional já nesta quarta-feira, contra o Fluminense, com quatro rodadas de antecipação.

A partida

Impedido de atuar em casa por conta do show da banda britânica Coldplay na Arena na noite de sábado, o Grêmio se apresentou na Serra Gaúcha com um time formado em sua maioria por titulares. O início tricolor foi marcado pelo domínio das ações no primeiro tempo, no entanto, quem abriu o marcador foi o Vitória, aos 16 minutos, com Patric.

A reação gremista não tardou: aos 18 minutos, Leonardo ganhou da marcação, tabelou com Ramiro, foi à linha de fundo e cruzou para o atacante Fernandinho, que subiu de cabeça para deixar tudo igual: 1 a 1.

Na etapa complementar, a equipe comandada por Renato Portaluppi manteve a sua superioridade sobre o adversário, que ocupa na tabela uma posição perigosamente próxima da zona do rebaixamento e que no duelo deste domingo teve expulso o jogador Filipe Souto, por cometer falta forte sobre Ramiro no segundo tempo.

Aos 17 minutos, em uma jogada rápida e envolvente, Léo Moura recebeu livre e deu passe para Luan, que dominou e mandou para o fundo das redes. O camisa 7, no entanto, estava impedido e o gol foi anulado pelo árbitro.

Quando o relógio já marcava 45 minutos, foi a vez do Vitória ter um gol anulado: depois de erro na defesa gremista, a equipe baiana impôs um contra-ataque com o sempre perigoso Patric, que acionou Caíque Sá. O atleta, por sua vez, devolveu o passe e Patric finalizou a gol, mas o juiz já erguia a bandeira para avisar que a jogada não valia.

O apito final soou aos 49 minutos. Nesta quarta-feira, o Grêmio receberá o São Paulo (décimo-primeiro colocado, com 45 pontos) na Arena, às 19h30min.

Escalações

O Grêmio do técnico Renato Portaluppi colocou em campo Paulo Victor; Léo Moura, Geromel, Kannemann, Leonardo (Everton), Jailson (Jael), Arthur, Ramiro, Luan, Fernandinho (Patrick) e Lucas Barrios.

Já o Vitória, sob o comando de Vagner Mancini, escalou Fernando Miguel, Patric, Bruno, Kanu, Geferson, Ramon, Fillipe Soutto, Zé Welison, David (Renê), Neilton (Caíque Sá) e Tréllez (André Lima).

Deixe seu comentário: