Home > Capa – Caderno 1 > Fracassa o teste dos Estados Unidos e do Japão para interceptar mísseis

Com o dólar mais baixo, gastos de brasileiros no exterior crescem 88% em janeiro

Segundo o Banco Central, brasileiros deixaram US$ 1,57 bilhão no exterior em janeiro contra US$ 840 milhões no mesmo mês de 2016 (Foto: Reprodução)

Os gastos dos brasileiros no exterior avançaram 88% em janeiro deste ano, para US$ 1,57 bilhão, informou o BC (Banco Central) nesta sexta-feira (17). No mesmo mês de 2016, as despesas lá fora haviam somado US$ 840 milhões.

Trata-se do maior valor para o mês de janeiro desde 2015, quando os brasileiros deixaram US$ 2,23 bilhões lá fora. Janeiro é um mês de férias, quando tradicionalmente as despesas com viagens são um pouco maiores.

Queda do dólar

O aumento de gastos de brasileiros no exterior coincide com um movimento de desvalorização da moeda norte-americana, apesar de a economia brasileira sentir os efeitos da recessão. Quando o dólar está mais barato, os gastos com hotéis e passagens no exterior, por exemplo, cotados em moedas estrangeiras, assim como as despesas gerais, também ficam mais em conta, o que contribui para deixá-los mais atrativos.

No mês passado, o dólar registrou queda de 3,04% e terminou cotado a R$ 3,15. Ao final de janeiro de 2016, cada dólar valia cerca de R$ 4. Janeiro de 2017 foi o segundo mês consecutivo de recuo da moeda norte-americana. No ano de 2016, o dólar acumulou desvalorização de 17,69% frente ao real.

Despesas de estrangeiros no Brasil

De acordo com os números do Banco Central, os moradores de outros países gastaram US$ 664 milhões no Brasil em janeiro deste ano – o que representa um pequeno aumento frente ao mesmo período do ano anterior, quando somaram US$ 650 milhões. (AG) 

Comentários