Últimas Notícias > Capa – Caderno 1 > A Polônia está cada vez mais acuada na periferia da União Europeia

Com a palavra, Michel Temer: “O emprego está voltando”

(Foto: Divulgação)

Com a palavra, o presidente Michel Temer: “O emprego está voltando. É a notícia que eu mais queria dar. Depois de 22 meses de números negativos, foram gerados mais de 35 mil empregos. Com a retomada do emprego, os brasileiros se sentem mais participantes da cidadania. São empregos com carteira assinada. Isso é só o começo.”

Projeto para agilizar leilões agrícolas

O deputado federal gaúcho Covati Filho (PP) apresentou ontem um projeto de lei que modifica o sistema de leilões de comercialização de trigo, arroz, feijão e milho, entre outros. A proposta surgiu depois de observadas as dificuldades encontradas pelos produtores na comercialização de trigo da safra passada.

O projeto é resultado de uma análise do deputado, em conjunto com os técnicos da Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, e atribui apenas ao Ministério da Agricultura a responsabilidade de definição dos parâmetros para a concessão de subvenção na forma de equalização de preços, assim como a definição do preço de exercício para o lançamento de Contratos de Opção Pública e Privada de Venda.

A medida dará maior agilidade de resposta do Poder Público às demandas do mercado de produtos agrícolas, avalia o deputado.

Gaúchos na Arábia Saudita

Ciceroneados pelo empresário Jibrail Arcadio, o presidente da Famurs, Luciano Pinto, e o dirigente da Coopnore, a Cooperativa dos Notários do Brasil, Sérgio Manica, estão cumprindo uma série de compromissos em Riyadh, na Arábia Saudita. Luciano Pinto encaminhou ontem à noite o seguinte relato à coluna: “Hoje à noite jantamos no Palácio do Sheikh Hamad Al Jumeiah.

O Grupo Al Jumeiah é um conglomerado de diversas empresas, entre elas a Shell, Pepsi e GM na Arábia Saudita. Nos recebeu com muita alegria e deverá logo ali adiante vir a investir no nosso Estado do RS”.

Armas pela vida

Revelação impressionante feita pela vereadora comandante Nádia, Coronel da Reserva da Brigada Militar: “Todo cidadão tem direito a se defender a si e à sua família. Em 28 anos de Brigada Militar, nunca atendi ocorrência com local de crime onde houvesse uma arma registrada e o porte legal de arma. Quem anda com arma é bandido, o cidadão de bem tem que se defender”.

Ela participou, ao lado de outros vereadores, do ato em que foi protocolada na Câmara de Porto Alegre a criação da Frente Parlamentar Armas Pela Vida, em apoio ao PL 3.722/12, do Dep. Rogério Peninha Mendonça, que tem por objetivo devolver ao cidadão de bem o seu direito básico a defesa. No próximo domingo (19/03), no Parcão, está programada uma manifestação em apoio ao projeto.

Deixe seu comentário: