Home > Colunistas > Depois de Palocci, chega a vez de Lula

Dono de casa se desespera com proximidade de um navio de cruzeiro

Bill acena para o navio muito perto da sua residência costeira (Foto: reprodução/YouTube)

O dono de uma casa com os fundos às margens de um canal na Flórida (EUA) entrou em pânico quando viu um navio de cruzeiro bem perto da sua residência.

Bill Todhunter foi correndo ao deque e acenou para o navio, que pesa 122 mil toneladas e levava 2.850 pessoas, entre tripulantes e passageiros. Um simples toque na estrutura da residência já seria devastador.

Em um vídeo registrando o episódio, Yasmine, esposa de Bill, é ouvida gritando:

“Está muito perto!”

Navios de cruzeiro costumam passar pelo local para chegar ao Oceano Atlântico, mas nunca tão perto das residências.

“Moramos aqui há seis anos e não tínhamos visto nada parecido. Nunca (uma embarcação) havia chegado tão perto”, disse Bill.

A explicação: o capitão do navio errou o ponto de início da curva à direita e deixou a embarcação chegar muito perto da área residencial – para ser mais preciso, parou a cerca de 30 metros da casa. (AG)

Assista:

Comentários