Últimas Notícias > Notícias > As obras no aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, causam mudanças nos voos que saem de Porto Alegre

Embratur afirma que emissão de passagens aumentou depois de isenção de vistos

(Foto: Reprodução)

Gilson Machado Guimarães, presidente do Instituto Brasileiro do Turismo (Embratur), disse que a emissão de passagens para o Brasil vinda de turistas dos Estados Unidos, Canadá, Japão e Austrália aumentou em 52% desde março, mês em que o governo isentou essas nações do visto de turismo e negócios. A afirmação foi feita ontem (23), durante transmissão ao vivo na página oficial do presidente Jair Bolsonaro. “Automaticamente nós já tivemos um incremento de 52% de emissões reais de passagens”, informou Guimarães, citando dados divulgados pela Associação Brasileira de Hotéis (ABH). Vale lembrar, ainda, que brasileiros não estão isentos de visto para viagem aos quatro países.

“Poucas pessoas sabem, mas 96% dos turistas estrangeiros que vêm ao Brasil voltam para o Brasil. Nós temos uma Polinésia dentro do Brasil que é a região baía de Angra [dos Reis, no Rio de Janeiro]. Nós temos um Caribe dentro do Brasil, que é o Nordeste brasileiro. Nós temos seis biomas, poucos países têm a quantidade de natureza, de fauna, de flora e de variedade de peixes que o Brasil tem”, afirmou o presidente da Embratur.

Guimarães ainda destacou que um dos maiores obstáculos do turismo ainda é o preço médio das passagens áreas, considerado alto pelo setor e comemorou a autorização concedida pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) à companhia aérea Air Europa, que passará a operar voos domésticos no país mesmo com 100% de capital estrangeiro.

Deixe seu comentário: