Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Temer e o presidente da Câmara dos Deputados se reaproximam com foco em aliança para as eleições de 2018

Esposa de Schumacher reaparece em público na estreia do filho na F3

Sem revelar detalhes sobre o estado de saúde do heptacampeão desde o acidente sofrido em 2013, Corinna recebe o carinho do amigo e presidente da FIA, Jean Todt, em Silverstone. (Foto: Reprodução/Twitter/Jean Todt)

Desde dezembro de 2013, quando Michael Schumacher sofreu um traumatismo craniano enquanto esquiava nos Alpes Franceses, a rotina da família do heptacampeão mundial de Fórmula 1 tem sido avessa à imprensa.

Mais de três anos depois do acidente que afastou o ex-piloto alemão dos holofotes, muito ainda se especula a respeito de sua real condição de saúde, embora a família e os assessores não falem a respeito disso publicamente. Reclusa durante todo este período, Corinna, esposa de Michael há 22 anos, voltou aos paddocks no último sábado (15), em Silverstone, para prestigiar a estreia do filho Mick na Fórmula 3 Europeia, após dois vice-campeonatos na F4, e manteve a discrição.

Atual presidente da FIA e grande amigo da família, Jean Todt postou uma foto dos três em suas redes sociais.  “É bom estar em Silverstone com Corinna e Mick. Isso me faz relembrar os bons tempos”, disse o dirigente francês, principal comandante da Ferrari nos anos de ouro que culminaram na série de cinco títulos de Michael entre 2000 e 2004.

No começo de 2017, a Ferrari declarou que seu programa de jovens talentos está “de portas abertas” para o alemão. A Mercedes, onde seu pai Michael encerrou a carreira, também já manifestou interesse em criar vínculos com Mick.

O jovem alemão compete pela equipe Prema, que dominou a F3 Europeia nas últimas temporadas e pertence ao milionário Laurence Stroll, pai do piloto da Williams, Lance Stroll, atual campeão da categoria. A equipe venceu a corrida 3 em Silverstone, com o britânico Callum Ilott. As outras provas da rodada inaugural de 2017 foram vencidas pelo também britânico Lando Norris, da equipe Carlin, e pelo sueco Joel Eriksson, da Motopark, que lidera o campeonato.

Mick estreou no torneio com um oitavo lugar, uma posição à frente do brasileiro Pedro Piquet. Subiu para sexto na segunda corrida do fim de semana, que Pedro fechou em 18º. Na terceira prova do fim de semana, Mick foi o último colocado, enquanto Pedro terminou em 11º. Com estes resultados, Schumacher aparece em 9º, duas posições à frente de Piquet na tabela de pontos. A próxima rodada da F3 Europeia será nos dias 29 e 30 de abril, em Monza, na Itália.

Deixe seu comentário: