Últimas Notícias > Notícias > Mundo > Manifestantes são dispersados com gás lacrimogêneo em Hong Kong em novo dia de protestos

A Expointer registrou recorde de público neste domingo

Dia de sol colaborou para lotar o Parque de Exposições Assis Brasil. (Foto: Itamar Aguiar/Palácio Piratini)

Repetindo a combinação de sol e clima ameno da véspera, o Parque da Expointer recebeu nesse domingo, segundo dos nove dias de atividade da feira, um público recorde: 93,5 mil pessoas. E pela primeira vez na história do parque, o estacionamento teve todas as suas vagas (8,6 mil) ocupadas pelos veículos.

Dentre os atrativos estavam a grande final do concurso Freio de Ouro. A atividade começou ao meio-dia, com a encenação do espetáculo que narrou a chegada da raça crioula às Américas, e prosseguiu com as provas finais de mangueira, bayard/sarmento e paleteada. Tudo acompanhado por aproximadamente 20 mil pessoas, dentre participantes e visitantes da Expointr.

Centenas de famílias que circulavam pela área também faziam questão de circular por toda área da feira, com direito a muitas “selfies” nos espaços temáticos e fotos de animais – certamente uma novidade, pelo menos “ao vivo e a cores”, para boa parte das crianças que vivem nas zonas urbanas, sem contato direto com o campo.

Segurança pública

A maior feira do agronegócio na América Latina oferece mais de 400 atrações, dentre elas uma Exposição Temática do Exército, Força Armada que participa do evento desde 2015. A mostra no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, prossegue até o domingo que vem (último dia do evento), e integra as comemorações da Semana do Soldado.

Em destaque no local, inovações tecnológicas e oficinas interativas com atividades militares. Nesse primeiro fim de semana de Expointer, o vice-governador Ranolfo Vieira Júnior conheceu de perto a instalação. Ao som da banda do 3º Regimento de Cavalaria de Guarda, ele foi recebido pelo titular do CMS (Comando Militar do Sul), general Geraldo Antonio Miotto.

Acompanhado de autoridades locais e estaduais, o vice (que acumula o cargo de secretário da Segurança Pública) conheceu atrações como um exemplar da “passadeira”, uma espécie de ponte militar móvel que foi montada no parque. “A iniciativa tem por objetivo aproximar a população da atividade do Exército em ações operacionais e de apoio à sociedade”, ressaltou o chefe do CMS.

Em seguida, a comitiva de Ranolfo rumou para o Pavilhão Internacional, a fim de conferir os estandes da BM (Brigada Militar) e da Seapdr (Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural) do Estado, que abriga oito departamentos durante a Feira.

O grupo também prestigiaram a casa da Polícia Civil no Parque de Exposições Assis Brasil e demais espaços destinados a entidades do setor de segurança pública, a exemplo dos postos do Corpo de Bombeiros e do 34º BPM (Batalhão de Polícia Militar), de Esteio.

Agricultura familiar

Salames, queijos, cucas, produtos agroindustriais, artesanato e flores vão saindo com a rapidez com que chegam no Pavilhão da Agricultura Familiar: só no primeiro dia de Expointer, o pavilhão comercializou 51,19% a mais do que no mesmo período da edição anterior.

Em 2018, o espaço registrou alta de 40,3% nas vendas, em comparação com o ano anterior, alcançando a marca de R$ 4 milhões em negócios. Houve crescimento também no desempenho do setor de artesanato, que contabilizou R$ 1,27 milhão com a venda de 30.930 peças – aumento de 16,17%.

Na Expointer deste ano, a agricultura familiar tem a maior participação da sua história no evento (realizado desde 1973), com 316 espaços de comercialização. As unidades abrangem 312 estabelecimentos do Rio Grande do Sul, quatro do Rio de Janeiro, dez de Minas Gerais e um do Amapá.

(Marcello Campos)

Deixe seu comentário: