Home > Notícias > Brasil > A Polícia Federal vai fazer uma varredura em gabinetes e telefones de ministros do Supremo

Fatos históricos do dia 15 de junho

Eventos

311 – Licínio proclama o seu próprio Édito de Tolerância, acabando com a perseguição aos cristãos na sua parte do Império Romano.

1215 – O rei João I de Inglaterra é obrigado pelos seus nobres a assinar a Magna Carta, que limita os poderes reais.

1502 – Cristóvão Colombo descobre a ilha de Martinica durante sua quarta e última viagem à América.

1520 – O Papa Leão X excomunga Martinho Lutero através da bula papal Exsurge Domine.

1580 – Filipe II de Espanha declara Guilherme I, príncipe de Orange como um fora-da-lei.

1752 – Benjamin Franklin prova que um relâmpago é electricidade na famosa experiência – (papagaio + chave + relâmpago).

1775 – George Washington é nomeado comandante chefe das tropas da União que lutam contra a Inglaterra.

1808 – José Bonaparte se torna Rei da Espanha.

1813 – Simon Bolívar promulga em Trujillo, na Venezuela, o decreto de guerra e morte aos espanhóis e seus colaboradores.

1836 – Arkansas torna-se o 25º estado norte-americano.

1844 – Charles Goodyear regista a patente da vulcanização, um processo que endurece a borracha, tornando-se o dono de uma das maiores fábricas de pneus do mundo.

Nascimentos

1330 – Eduardo Príncipe Negro, príncipe de Gales (m. 1376).

1519 – Henrique Fitzroy, Duque de Richmond e Somerset (m. 1536).

1542 – Jellaladin Mahommed Akbar, imperador mongol (m. 1605)

1594 – Nicolas Poussin, pintor francês (m. 1665).

1664 – Jean Meslier, filósofo francês (m. 1723)

1833 – Theodor Hermann Meynert, psiquiatra austríaco (m. 1891).

1843 – Edvard Grieg, compositor norueguês (m. 1907).

1867 – Konstantin Balmont, poeta russo (m. 1942).

1914 – Yuri Andropov, político russo (m. 1984).

1925 – Jaime Montestrela, escritor português (m. 1975).

1927 – Hugo Pratt, autor de banda desenhada italiano (m. 1995).

1933 – Sergio Endrigo, cantor e compositor italiano (m. 2005).

Falecimentos

1107 – Dagoberto de Pisa, patriarca do Reino Latino de Jerusalém (n. 1050).

1601 – Germana Cousin, mártir e santa católica (n. 1570).

1671 – John Ashburnham, cortesão, diplomata e político inglês (n. 1603).

1750 – Marguerite De Launay, escritora francesa (n. 1684).

1772 – Louis-Claude Daquin, compositor francês (n. 1694).

1836 – Guido Marlière, militar e sertanista francês (n. 1767).

1844 – Thomas Campbell, poeta escocês (n. 1777).

1849 – James Knox Polk, político norte-americano (n. 1795).

1888 – Frederico III da Alemanha (n. 1831).

1889 – Mihai Eminescu, poeta romeno (n. 1850).

1917 – Friedrich Robert Helmert, geodesista alemão (n. 1884).

1957 – Artur de Souza Nascimento (Tute), músico brasileiro (n. 1886).

1961 – Giulio Cabianca, automobilista italiano (n. 1924).

 

Comentários