Home > Notas Capital > Capital do BRDE atinge 971 milhões de reais

Feministas protestam contra visita do Papa Francisco à Bolívia

Membros do coletivo "Mujeres Creando" protestam em La Paz. (Foto: Jorge Bernal/AFP)

Ativistas de um coletivo feminista, vestidas de freiras grávidas, manifestaram na segunda-feira (6), em La Paz, contra a visita que o Papa Francisco iniciará na Bolívia nesta quarta-feira (8). Elas foram  reprimidas pela polícia.

Manifestantes são reprimidas por policiais. (Foto: Jorge Bernal/AFP)
Manifestantes são reprimidas por policiais. (Foto: Jorge Bernal/AFP)

“A minha homossexualidade não precisa de sua aprovação, mas é a homossexualidade dentro da Igreja que precisa de reivindicação”, dizia um cartaz do grupo de lésbicas e gays “Mulheres Criando”, o mais ativo do país. Simultaneamente, o coletivo feminista colocou à venda camisetas estampadas com a imagem de Francisco crucificando Jesus e a legenda: “Sua igreja crucifica as mulheres todos os dias, o feminismo as ressuscita”.

Uma dúzia de ativistas também usava roupa de freira com uma faixa em torno de sua cintura dizendo “filho bastardo de um padre”.

O Papa deve permanecer até sexta-feira (10) no país, quando parte em viagem ao Paraguai, terceira e última parada em sua visita à região, que começou no Equador. (AG)

Comentários