Últimas Notícias > Capa – Caderno 1 > Gre-Nal deve ter reservas, mas Rômulo garante mesma dedicação: “Vamos dar nosso melhor”

Filho de pastor assassinado é preso na saída do velório do pai

Flordelis e o marido Anderson do Carmo. (Foto: Reprodução/RedeTV/ Redes Sociais)

Um dos filhos do pastor Anderson do Carmo, assassinado em sua casa, em Niterói, foi preso, nesta segunda-feira (17), após o enterro do pai. De acordo com informações da delegada Bárbara Lomba, um mandado de prisão anterior, por violência doméstica, motivou a ação da polícia. A identidade do apreendido não foi divulgada.

O pastor Anderson tinha 55 filhos, sendo 51 deles adotados e 4 biológicos e era casado com a deputada federal Flordelis (PSD-RJ). Após o sepultamento do marido, a parlamentar estava em seu carro, com o filho, quando foram abordados por agentes da Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo (DHNSG).

Até o momento, a polícia trabalha com uma possível encomenda da morte do pastor. O governador do Rio Wilson Witzel (PSC) classificou o fato como lamentável e afirmou que uma das linhas de investigação da polícia apura a possibilidade de que um dos filhos adotados esteja envolvido.

O assassinato
Anderson do Carmo foi morto quando chegava com sua esposa de uma confraternização por volta de 4h do último domingo (16). A polícia informou que os cachorros que guardavam a casa estavam dopados. O crime teria sido cometido por três homens encapuzados e os policiais investiga uma possível briga familiar, envolvendo uma dívida, que teria levado ao assassinato.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro informou que a delegacia de Niterói e São Gonçalo instaurou uma investigação, em que nenhuma linha de apuração foi descartada.

Deixe seu comentário: