Últimas Notícias > Notícias > Brasil > O Supremo teve aumento de 25% no número de visitantes neste ano

Gato ganha na Justiça direito de circular por galeria do Rio de Janeiro

(Foto: Reprodução Twitter)

A batalha do gato Rubinho para andar livremente em uma galeria no bairro de Copacabana, no Rio de Janeiro, chegou ao fim. A Justiça garantiu o direito do felino circular pelo local sem coleira, como desejava a administração do conjunto comercial. A decisão foi da juíza Marcia Correia Hollanda, da 47ª Vara Cível do Rio.

Rubinho, adotado pelo lojista Pedro Duarte Correia, andava há anos sem coleira pelos corredores do espaço. Em abril do ano passado, a administração da galeria determinou que os animais fossem proibidos de andar no local, sob o risco de penalidade no caso de descumprimento.

Desde setembro do ano passado, o tutor do gato já tinha obtido na Justiça, através de tutela de urgência, o direito de Rubinho ir e vir pelos corredores da galeria. Correia ainda pedia uma indenização de R$20 mil por danos morais, que não foi concedida pela Justiça.