Últimas Notícias > Colunistas > O rapto de Perséfone

Grêmio sofre no segundo turno com desfalques e perde pontos importantes

Goleiro Marcelo Grohe é fundamental para boa campanha do Grêmio. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

O primeiro turno acabou com o Grêmio em terceiro lugar, empatado com o Atlético-MG, segundo, e apenas quatro pontos atrás do Corinthians. A derrota de sábado por 3 a 2 para o Palmeiras mostrou que os desfalques dos últimos jogos realmente fazem muita diferença no time.

O técnico Roger Machado vem lidando com problemas na equipe. Foram três rodadas com jogadores convocados, lesões, desgaste e suspensões que fazem com que o treinador tenha de fazer mudanças, diferente de boa parte da primeira metade do Brasileirão.

Galhardo fez falta contra o Palmeiras. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)
Galhardo fez falta contra o Palmeiras. (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Para ilustrar bem o momento, pode-se observar os números. Nos 19 jogos iniciais, foram 36 pontos conquistados, com um aproveitamento de aproximadamente 65%

Com as mudanças na equipe em virtude dos desfalques, são apenas 12 pontos em 24 possíveis no segundo turno.
O revés para o Verdão foi uma amostra clássica de que, para ser campeão brasileiro, precisa de um grupo forte de atletas.

Cheio de desfalques em todos os setores, o time sofreu principalmente na defesa, com falhas coletivas e também individuais, como do goleiro Tiago, no primeiro gol.

Mudar o foco

Na quarta-feira, o desafio é diferente. Em um campeonato como a Copa do Brasil, de mata-mata, dois jogos encaminham a vaga. O adversário é o Fluminense, com novo treinador mas ainda em crise profunda.

Alguns jogadores devem retornar e fortalecer a equipe. É hora de usar o melhor material humano possível.

Deixe seu comentário: