Últimas Notícias > Notícias > Brasil > As propostas de reforma tributária que tramitam na Câmara e no Senado colocaram em campos opostos a indústria e os demais setores

Instituições culturais de Porto Alegre abrem as portas, neste sábado, para mais uma edição da “Noite dos Museus”

Margs é um dos locais com programação especial alusiva ao evento. (Foto: Divulgação)

Diversas instituições participam, neste sábado, da quarta edição do evento “Noite dos Museus”. Das 19h à 1h e com entrada franca, estarão abertos à visitação o Memorial do Rio Grande do Sul, o Museu da Comunicação Hipólito José da Costa, o MAC (Museu de Arte Contemporânea), o Margs (Museu de Arte do Rio Grande do Sul) e o Museu Julio de Castilhos.

Também estão engajadas à programação da “Noite dos Museus” as seguintes instituições culturais: Fundação Iberê Camargo, Museu de Porto Alegre Joaquim Felizardo, Instituto Goethe, Planetário, Museu da UFGRS, Centro Histórico-Cultural da Santa Casa, Museu da Brigada Militar, Pinacoteca Rubem Berta e Centro Cultural Erico Verissimo. A programação detalhada de locais, horários e conteúdos pode ser conferida no site www.noitedosmuseus.com.br.

No Memorial do Rio Grande do Sul e no Hipólito, o destaque fica por conta de apresentações de música instrumental e ritmos brasileiros, enquanto o MAC oferece como atração música latinoamericana, samba e cortejo. “Não poderíamos faltar em um evento como este, que conecta as instituições e compartilha atividades artísticas com o grande público”, ressalta o diretor do MAC, André Venzon.

Já no Margs, a música terá como companhia um campeonato de poesia falada e um espetáculo teatral. E no Julio de Castilhos, o mais antigo museu do Estado, a programação especial inclui música e dança. “Trata-se de uma oportunidade para que os visitantes vivenciem a instituição de modo sensorial, por meio de som e luzes”, salienta a diretora Doris Couto. “Desse modo, 116 anos de narrativas históricas chegarão a pessoas que nunca estiveram neste museu.”

Memorial do Rio Grande do Sul

(Praça da Alfândega – Centro Histórico)

– 19h45min: Aluisio Rockembach (música);

– 21h: Los 3 Plantados (música);

– 22h30min: Gruvorama (música instrumental);

– 23h45min: Calote (ritmos brasileiros).

Museu da Comunicação Hipólito José da Costa

(Rua dos Andradas nº 959 – Centro Histórico)

– 19h30min: Erick Endres (música);

– 21h: Grupo Pituna (música instrumental);

– 22h30min: Trabalhos Espaciais Manuais (música instrumental);

– 23h45min – Arthur de Faria e Grupo (música).

Museu de Arte Contemporânea

Casa de Cultura Mario Quintana (Rua dos Andradas nº 736 – Centro Histórico)

– 19h: Misstake (performance);

– 20h: Conjunto musical La Digna Rabia (música latino-americana);

– 21h30min: Maracatu Truvão (cortejo);

– 22h15min: Ortácio, Borghetti, Salazar e Poty (música);

– 23h30min: Rafa 16 & Caco Velho Quinteto (samba).

Margs (Museu de Arte do Rio Grande do Sul)

(Praça da Alfândega – Centro Histórico)

– 20h: Especial Slam Peleia (campeonato de poesia falada);

– 21h30min: Érico Moura (violão);

– 22h45min: Mulheragem (espetáculo teatral);

– 23h45min: Mathias 7 Cordas (choros, sambas e valsas).

Museu Julio de Castilhos

(Rua Duque de Caxias nº 1205 – Centro Histórico)

– 19h30min: Manchas Urbanas (apresentação de dança);

– 19h45min: Ortácio, Borghetti, Salazar & Poty (música);

– 21h – 50 Tons de Blues (espetáculo musical);

– 22h15min – Saldana (música);

– 23h45min – Uma noite para criar, um dia para dançar – Geda Cia. de Dança (espetáculo de dança).

Viva Porto Alegre a Pé

Também neste sábado, mas pela manhã, outra opção cultural mobiliza a capital gaúcha: mais uma edição do projeto “Viva Porto Alegre a Pé”. Desta vez, o passeio guiado tem como foco bairro Moinhos de Vento. O ponto de encontro é a Hidráulica da Corsan (rua 24 de Outubro nº 200). A inscrição é um quilo de alimento não perecível e deve ser feita neste site. Em caso de chuva, o evento será cancelado.

A atividade tem como orientador o arquiteto Helton Estivalet Bello, mestre em Planejamento Urbano e Regional pela UFRGS, professor da UCS (Universidade de Caxias do Sul), ex-técnico da Equipe do Patrimônio Histórico e Cultural de Porto Alegre) e especialista em Restauração de Edificações e Conjuntos Históricos pela Universidade Federal da Bahia.

(Marcello Campos)

Deixe seu comentário: