Sábado, 25 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
21°
Fair

Magazine Itens de coleção

Leonardo Barboza e a bela pintura em óleo sobre tela datada do século XIX. (Foto: Pedro Antonio Heinrich/especial)
Gasparotto 

 

No detalhe: a placa com o nome do autor da obra, o alemão L. E. Burkhart. (Foto: Pedro Antonio Heinrich/especial)

No detalhe: a placa com o nome do autor da obra, o alemão L. E. Burkhart. (Foto: Pedro Antonio Heinrich/especial)

 

  • O antiquário Leonardo Barboza expõe importante tela, uma paisagem do pintor L. E. Burkhart, em seu espaço do Caminho dos Antiquários. Trata-se de uma pintura do início do século XIX, e desperta o maior interesse nos colecionadores de arte acadêmica, especialmente de paisagens. Leonardo é a segunda geração da família dedicada ao antiquariato – seu pai, Ibrahim Barboza, é um dos nomes solicitados pelos colecionadores que circulam em Montevidéu.

 

 

  • Os leitores de Marcel Proust contam com um texto muito especial a respeito da obra “Em busca do Tempo Perdido”. Trata-se do livro “À La recherche des lieux proustiens”, do francês Michel Blain, da editora L. Hormatton, com um estudo minucioso das cidades e ruas que fazem parte do relato proustiano. O texto inclui, entre outras importantes análises, referências ao período art nouveau – o escritor foi grande admirador do estilo difundido pelo artista tcheco Alfons Mucha e o artista do vidro Emile Gallé. Outra constatação importante de Michel Blain refere-se àqueles que consideram Proust elitista no reconhecimento da inteligência e sensibilidade das personagens. Segundo Michel, fica claro na obra proustiana o reconhecimento de talentos, independente da classe social, e por isto sua atualidade.

 

Inês Schertel participa da mostra MADE da Design Weekend 2016 com a luminária Marga. (Foto: Inês Schertel/Divulgação)

Inês Schertel participa da mostra MADE da Design Weekend 2016 com a luminária Marga. (Foto: Inês Schertel/Divulgação)

 

  • Inês Schertel está participando da MADE – Mercado, Arte, Design, a feira internacional de design colecionável que se encerra hoje no Jockey Club de São Paulo. A arquiteta gaúcha apresenta a luminária Marga, resultado de suas pesquisas. Instalada na propriedade de São Francisco de Paula, Inês trabalha com lã de ovelha preparada com técnicas históricas, e as criações, como um ninho para pássaros, que vocês podem conferir no espaço “Histórias na Garagem”, são bonitas e originais.

Voltar Todas de Magazine

Compartilhe esta notícia:

Agenda
Som & luzes
Deixe seu comentário
Pode te interessar