Home > Atividades Empresariais > SEBRAE utiliza websérie como ferramenta de capacitação para o agronegócio

Justiça aceita denúncia contra irmão de Bruno por sequestro de Eliza Samudio

Rodrigo Fernandes é irmão do goleiro Bruno e estava envolvido no sumiço de Eliza Samudio. (Foto: Reprodução)

O juiz Marco Couto, titular da 1ª Vara Criminal Regional de Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio, aceitou a denúncia do Ministério Público contra Rodrigo Fernandes das Dores de Souza, irmão do goleiro Bruno Fernandes, pela participação no sequestro da modelo e ex-amante do goleiro Eliza Samudio, em 2009. A Justiça acatou ainda a denúncia contra Anderson Rocha da Silva, o Russo, pelo mesmo motivo.

Na época do crime, a investigação concluiu que quatro homens ocupavam o carro que levou Eliza durante o sequestro, que terminou com o assassinato da modelo. Até o momento, no entanto, apenas haviam sido processados Bruno e o amigo Luiz Henrique Ferreira Romão, conhecido como Macarrão.

De acordo com a polícia, Rodrigo já estava dentro do veículo, escondido, quando Bruno ameaçou e obrigou a ex-amante a acompanhá-lo. Logo depois, Russo e Macarrão teriam se juntado ao grupo. Dali, os quatro levariam Eliza ao apartamento do goleiro e a forçariam a tomar medicamentos abortivos para interromper a gravidez de Bruninho — fruto do envolvimento da modelo com o jogador. Na ocasião, ela estava no 5º mês de gestação.

O ex-goleiro do Flamengo foi condenado em primeira instância pelo assassinato e ocultação de cadáver de Eliza e pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho, mas recorreu da decisão e aguarda julgamento em segunda instância. Ele foi solto no mês passado por decisão do Supremo Tribunal Federal, que o permitiu ficar livre até o fim do julgamento do recurso.

(AG)

Comentários