Últimas Notícias > Notas Brasil > Romero Jucá e Sérgio Machado viram réus na Lava-Jato

Mercosul e União Europeia tem chance de fechar acordo de livre mercado ainda este ano

Acordo vem sendo negociado desde 1999. (Foto: Reprodução de internet)

Depois de quase duas décadas de negociação, a comissária europeia de Comércio, Cecilia Malmström, afirmou, em coletiva na manhã desta segunda-feira (17) que há “uma boa probabilidade” dos blocos finalmente fecharem um acordo comercial de livre mercado, antes de novembro deste ano.

“Há uma boa probabilidade que (o acordo) possa ser concluído durante este mandato. Eu certamente farei tudo o que possa para contribuir para isso”, disse Malmström.

Durante coletiva, que tinha como objetivo apresentar um relatório sobre barreiras ao comércio a comissária, de origem sueca, destacou o progresso das conversas entre ambos os blocos e demonstrou otimismo perante a possibilidade de formalizar o acordo até o final do mandato da atual Comissão Europeia, ou seja, até novembro deste ano. O Presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, por outro lado, não demonstrou o mesmo sentimento e afirmou ainda que seria “difícil” fechar o acordo em pouco mais de quatro meses.

Por sua vez, o ministro da economia brasileira, Paulo Guedes, afirmou no início deste mês, quando viajou com o presidente a Argentina, que seria assinado um acordo de livre comércio entre ambos os blocos dentro de semanas.

“O Mercosul tinha virado uma trava para o crescimento e ameaçou nossa democracia, como aconteceu com a Venezuela. Agora Brasil e Argentina vão integrar suas economias para botar o Mercosul para rodar, para partir com a integração com a economia mundial — disse Guedes em transmissão ao vivo pelo Facebook.

O Presidente Jair Bolsonaro disse, também durante passagem pela Argentina, que Guedes “entrou em campo, e vamos resolver esta questão nas próximas semanas” referindo-se ao acordo entre Mercosul-UE.

Deixe seu comentário: