Últimas Notícias > Capa – Destaques > Bolsonaro manifesta preocupação com a escalada da violência no Chile

Mito ou verdade: Whey Protein pode causar pedras nos rins

(Foto: Pixabay / MF Press Global)

Um dos mais conhecidos suplementos alimentares pode estar causando problemas de insuficiência renal e cálculos. O Whey Protein faz muito sucesso entre os frequentadores de academia e, de acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Produtos Nutricionais (Abenutri), ele é responsável por 60% das vendas no Brasil. Mas será que esse rumor é verdade? Whey Protein faz mal à saúde?

Daniel Cohen, dona da DCX Nutrition, revela que na verdade o Whey não é o problema, mas sim o seu uso indiscriminado. “O Whey Protein não causa problema renal, até porque é uma substância que só pode ser vendida se for avaliada como segura segundo os padrões de qualidade atestados pela ANVISA. O que se sabe pela literatura médica é que o excesso de proteína obriga os rins a trabalhar mais, o que, a longo prazo, pode causar insuficiência e cálculo renal sim”, explica. Logo, o problema não é o Whey, mas sim usá-lo em excesso.

Recomendações

A recomendação de nutricionistas para pessoas acima dos 18 anos é de 1 a 1,4 grama por quilo de massa corporal, em média. No entanto, Daniel aponta que algumas pessoas tem a tendência ao exagero querendo acelerar os resultados: “Uma medida de Whey tem aproximadamente de 25 a 30 gramas de proteína. Como a pessoa ingere outras fontes de proteína por meio dos alimentos, pode facilmente ultrapassar a necessidade diária e sobrecarregar os rins se não acompanhar isso”, conclui.