Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Comissão da Câmara aprova cláusula de barreira para partidos e fim das coligações

Neymar sobe no ranking dos maiores salários do futebol mundial. Conheça os dez primeiros

A transferência de Neymar para o Paris Saint-Germain deixou muita gente incomodada. (Foto: Reprodução)

Comprado pelo PSG junto ao Barcelona por 222 milhões de euros, o craque brasileiro Neymar se tornou o jogador mais caro da história do futebol. Mas no quesito salário, ele ainda não ocupa o topo. De acordo com informações divulgadas pela imprensa francesa, o atacante argentino Carlos Tevez é o jogador mais bem pago do mundo. Ele recebe 38 milhões de euros por temporada no Shanghai Shenhua, da China.

Neymar aparece na segunda colocação com o salário de 30 milhões de euros por temporada. Abaixo dele, no top 10, aparecem Lavezzi, Oscar, Messi, Cristiano Ronaldo, Gareth Bale, Hulk, Gervinho e Witsel. Dos 10 jogadores, seis jogam no futebol chinês.

Confira os supersalários: 

1º – Tevez – Shanghai Shenhua – 38 milhões de euros por temporada; 2º – Neymar – PSG – 30 milhões de euros por temporada; 3º – Lavezzi – Hebei China Fortune – 26,5 milhões de euros por temporada; 4º – Oscar – Shanghai SIPG – 25 milhões de euros; 5º – Messi – Barcelona – 25 milhões de euros; 6º – Cristiano Ronaldo – Real Madrid – 23,6 milhões de euros; 7º – Gareth Bale – Real Madrid – 20,2 milhões de euros; 8º – Hulk – Shanghai SIPG – 20 milhões de euros; 9º – Gervinho – Hebei China Fortune – 18 milhões de euros; e 10º – Witsel – Tianjin Quanjian – 18 milhões de euros.

Traição

A transferência de Neymar para o Paris Saint-Germain deixou muita gente incomodada. Um jornal local, o Sport, publicou no final de semana um artigo em que manifesta a revolta com o brasileiro. Nele é dito que Neymar traiu o Barcelona com mentiras e despistes.

O jornal parte do pressuposto de que Neymar fechou um acordo com o PSG há muito tempo, em meados de junho. E alega que tudo que aconteceu depois foi apenas um despiste para o jogador e o pai dele ganharem tempo e mais dinheiro. “Mentiram deliberadamente, jogaram um despiste e, quando o Barcelona disse basta, quiseram sair como vítimas”, apresenta o jornal.

No final de junho, Neymar se reuniu com o diretor de futebol do Barcelona, Raul Sanllehi, que estava em São Paulo. Apesar do suposto contato com o PSG, o atacante não teria falado nada. E isso se repetiu uma semana depois, quando Neymar foi ao casamento de Lionel Messi e também reencontrou diversos jogadores e dirigentes do Barcelona.

Apenas uma pessoa teria tomado conhecimento do acerto de Neymar: o lateral Daniel Alves, que assumiu recentemente que só foi para o PSG por influência do atacante brasileiro.

O Barcelona só tomou conhecimento do suposto acordo quando André Cury, membro da secretaria técnica sul-americana do clube catalão, fez um alerta. Ele tem um longo relacionamento com Neymar e o pai dele, mas soube disso por outras fontes. Então o Barcelona se preparou para tentar segurar Neymar. Porém, não conseguiu.

Deixe seu comentário:

Notícias Relacionadas: