Sexta-feira, 06 de Dezembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
16°
Fair

CAD1 Número de mortos pelo furacão Dorian sobe para 43 nas Bahamas; ventos avançam para o Canadá

Centenas de pessoas seguem desaparecidas. Por isso, número de vítimas deve aumentar em breve (Foto: Reprodução/ NOAA)

Pelo menos 43 pessoas morreram vítimas do furacão Dorian nas Bahamas, conforme informações das autoridades locais divulgadas nessa sexta-feira (7). A região das ilhas foi fortemente devastada pelo fenômeno natural, deixando milhares de desabrigados e centenas de desaparecidos. O número de confirmação de mortos, portanto, deve aumentar à medida que os trabalhos de resgate avançam.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), 70 mil pessoas precisam de ajuda imediata nas Bahamas. O Programa de Alimentos da organização já está com oito toneladas de comida prontas para serem enviadas às ilhas. Helicópteros americanos e britânicos fizeram evacuações médicas, avaliações aéreas para ajudar a coordenar os trabalhos de socorro e para reconhecer os danos das áreas.

O furacão, que passa pelos Estados Unidos atualmente, foi rebaixado para a categoria 1 nessa sexta-feira – quando passou pelas Bahamas, atuava na categoria 5, a mais intensa de todas. Ontem, o fenômeno atingiu a Outer Banks, cadeia de ilhas na costa do estado de Carolina do Norte. Agora, segue para o Canadá com 39 km/h, e pode causar fortes ventos no país vizinho.

A costa que vai da Flórida à Virgínia temia os danos do furacão, mas não chegou a ser atingida pelos ventos ou tempestades. Já a costa da Carolina do Sul sofreu com inundações, mas não houve vítimas.

Todas de CAD1

Compartilhe esta notícia:

Grávida que ficou ferida em incêndio de ônibus em Canoas recebe alta do hospital
Grupos estudantis e sindicais protestam contra o governo no feriado da Independência
Deixe seu comentário
Pode te interessar