Sábado, 14 de Dezembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
17°
Fair

Bem-Estar Dia Mundial do Rim chama atenção das mulheres para a saúde renal

Saúde da mulher e de seus rins: abordagem acontece de forma conjunta. (Foto: Divulgação)

Neste ano, o Dia Mundial do Rim coincidiu com o Dia da Mulher, comemorado em 8 de março de 2018. Para marcar essas datas especiais, a SBN (Sociedade Brasileira de Nefrologia) apresentou a temática Saúde da Mulher – Cuide dos seus Rins e no HSVP (Hospital São Vicente de Paulo) de Passo Fundo, a equipe do Serviço de Nefrologia também irá enfocar a mulher cuidadora.

Desta forma, nesta quinta-feira, dia 8 de março, as profissionais realizaram a entrega de folders e orientações da médica nefrologista, enfermeiras, psicóloga, nutricionista e demais profissionais para pacientes e seus familiares, especialmente, as mulheres cuidadoras. As ações aconteceram das 9h às 10h, das 15h às 16h e das 18h às 19h, no Serviço de Nefrologia do HSVP. Além dessas atividades, no turno da manhã, as mulheres receberam cuidados de beleza com a equipe da Embeleze.

Dados

Estimativas da SBN indicam que a doença renal crônica afeta 10% da população e aproximadamente 195 milhões de mulheres em todo o mundo, chegando a ser a oitava principal causa de morte entre o sexo feminino, com cerca de 600 mil vítimas fatais/ano. O objetivo da campanha é enfatizar a importância da prevenção, destacando o ônus da doença renal crônica em mulheres e a dificuldade de acesso aos cuidados com os rins.

Idealizado pela ISN (Sociedade Internacional de Nefrologia) em 2005, o Dia Mundial do Rim visa reduzir o impacto da doença renal em todo o mundo, sendo comemorado na segunda quinta-feira de março. O foco é destacar o ônus da doença renal crônica em mulheres e a dificuldade de acesso aos cuidados com os rins.

De acordo com o relatório oficial da campanha de 2017, o Brasil foi o País que mais realizou ações de prevenções (450 eventos), seguido por Eslovênia (79) e Índia (45). “Em associação ao World KidneyDay, estamos desenvolvendo uma série de atividades para promover a adoção de comportamentos preventivos e pretendemos nos manter na primeira posição do ranking de países mais ativos com um número ainda muito maior de eventos. O DMR é um caso de sucesso, no qual realizamos mais de 50% das ações mundiais e somos reconhecidos pelo WKD como um modelo a ser seguido. Com essa iniciativa, temos a oportunidade de conscientizar profissionais de saúde, autoridades e sobretudo a população sobre doenças renais. Consideramos que a mulher é um potencial agente de prevenção da DRC, que merece notoriedade nesta missão”, justifica Dra. Carmen Tzanno, presidente da Sociedade Brasileira de Nefrologia.

A campanha ainda conta com apoio de celebridades de diversas partes do mundo. No ano passado, a apresentadora Angélica Ksy e a atriz Júlia Gomez ficaram entre os top 4 com maior interação nas redes sociais. O jogador de futebol Neymar e o treinador da Seleção Brasileira de Futebol Tite também vestiram a camiseta comemorativa do evento, entre outros famosos.

Para prevenir a Doença Renal Crônica, pratique exercício físico regularmente, controle o nível de açúcar no sangue para evitar o diabetes, monitore a pressão arterial, mantenha uma alimentação saudável e evite o sobrepeso, hidrate-se ingerindo líquidos não alcoólicos, não fume, não tome remédios sem orientação médica e consulte um médico frequentemente para verificar a situação dos rins.

Voltar Todas de Bem-Estar

Compartilhe esta notícia:

Um embaixador brasileiro acusado de assédio sexual e moral poderá reassumir o cargo nesta sexta
A Polícia Federal apura se a mudança no local de pouso facilitou o roubo de 5 milhões de dólares em dinheiro vivo no aeroporto de Campinas
Deixe seu comentário
Pode te interessar