Últimas Notícias > Colunistas > Em Santa Maria, Bolsonaro reafirmou apoio à flexibilização da posse de armas

Governador sanciona projeto que cria “Rota Turística dos Campos de Cima da Serra”

Região abriga parque nacional famoso pelos cânions. (Foto: Divulgação/ICMBio)

Os municípios gaúchos de Vacaria, Ipê, Pinhal da Serra, Muitos Capões, São José dos Ausentes, Monte Alegre dos Campos, Esmeralda, Campestre da Serra, Bom Jesus e Cambará do Sul compõem agora, em caráter oficial, a chamada “Rota Turística dos Campos de Cima da Serra”. A iniciativa consta no projeto-de-lei 62/2019, sancionado nessa terça-feira pelo governador Eduardo Leite.

“Não podemos ficar reféns da agenda da crise”, declarou o governador ao assinar o documento. “Precisamos desenvolver as potencialidades do nosso Estado e, sem dúvida, o turismo é uma delas. Por isso mesmo é que unimos a Secretaria do Turismo à do Desenvolvimento Econômico.”

Localizada no Extremo Nordeste gaúcho (na divisa com Santa Catarina), a região é famosa por abrigar os cânions do Parque Nacional dos Aparados da Serra, dentre outras peculiaridades. Para o deputado estadual Tiago Simon, autor da matéria, os investimentos que serão feitos nessa área, a partir do processo de privatização planejado pelo governo federal, ajudarão a impulsionar o turismo, beneficiando toda a região.

“A Rota Turística cria uma cadeia entre os municípios, facilita a captação de recursos e ainda ajudará a organizar o trade turístico que existe nesta região, que reúne algumas das mais belas paisagens que resumem a essência serrana do nosso Estado”, salientou o o parlamentar do MDB.

O projeto-de-lei prevê, ainda, a possibilidade de o governo do Rio Grande do Sul firmar parcerias com universidades, entidades do terceiro setor e empresas para apoiar as atividades e destinos da rota turística. “Não tenho dúvida de que, em alguns anos, lembraremos desse dia como um momento marcante para o Estado”, concluiu o governador gaúcho.

Presenças

Além de Eduardo Leite e Tiago Simon, a cerimônia de rubrica do projeto-de-lei ocorreu no Palácio Piratini e contou com a presença dos secretários Otomar Vivian (Casa Civil) e Ruy Irigaray (Desenvolvimento Econômico e Turismo), do deputado estadual Carlos Búrigo (MDB), que criou na Assembleia Legislativa a Frente Parlamentar de Logística e Transportes dos Campos de Cima da Serra, além de prefeitos e líderes empresariais.

(Marcello Campos)

Deixe seu comentário: