Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Seleção feminina tem recepção calorosa na volta ao Brasil após eliminação na Copa do Mundo

O Palácio do Planalto divulgou a foto oficial de Bolsonaro com a faixa presidencial

Imagem foi produzida na última segunda-feira. (Foto: Divulgação/Palácio do Planalto)

O Palácio do Planalto divulgou nessa quinta-feira a foto oficial de Jair Bolsonaro como presidente da República. A fotografia é a que será emoldurada e pendurada na parede dos gabinetes de ministros e órgãos públicos federais e que também será colocada na galeria de presidentes que fica exposta no térreo do prédio de onde o chefe do Executivo despacha diariamente.

Na foto, o novo presidente brasileiro aparece em pé, sorrindo e com uma bandeira do Brasil ao fundo. O terno azul-marinho e a gravata na mesma cor, ao que tudo indica, são os mesmos que utilizou na cerimônia de posse, dia 1º de janeiro. Além disso, o presidente ostenta na lapela esquerda um “pin” que reproduz, de forma estilizada, a bandeira nacional.

A novidade também foi compartilhada por Jair Bolsonaro em suas contas nas redes sociais. Na mensagem, ele optou por um texto curto, sem maiores detalhamentos.

De acordo com informações extraoficiais, o retrato foi produzido na manhã da última segunda-feira pelo fotógrafo oficial do Planalto, Alan Santos, em uma sala do Palácio da Alvorada, da residência oficial do presidente da República. Bolsonaro chegou a experimentar outras versões, inclusive sem a faixa presidencial – o material que sobrou ficará reservado para veiculações futuras.

No final da tarde, o site do governo federal deu destaque à novo foto oficial, com direito a depoimento do autor. “Não houve nenhum pedido especial por parte do presidente”, contou Alan. “Foi uma foto rápida e simples e o ‘modelo’ é tranquilo e bem-humorado.”

Um dia após Bolsonaro tomar posse, a foto de Temer foi trocada no andar térreo do Palácio do Planalto. O retrato colorido de Temer foi substituído por uma versão em preto e branco na galeria de presidentes da República, seguindo o mesmo padrão de cor dos demais ex-mandatários.

Faixa presidencial

Uma curiosidade envolve o uso da faixa presidencial. O antecessor de Jair Bolsonaro, Michel Temer (2016-2018), utilizou o adereço publicamente apenas pela primeira e última vez durante a transmissão do cargo para o novo mandatário, no primeiro dia do ano.

Como o emedebista assumiu o cargo após o impeachment da então presidenta Dilma Rousseff, em maio de 2016, ele não passou pela mesma cerimônia. E nessa única ocasião em que vestiu a faixa, as câmeras flagraram diversos momentos em que ele aparecia ajeitando-a, provavelmente por estar desacostumado ao uso.

Temer também não vestiu a tradicional barra de tecido verde-e-amarela em diagonal sobre o terno para posar na foto oficial como presidente. Até hoje, ele foi o único chefe do Executivo a abrir desse expediente visual. E a sua foto também não seguiu o corte americano (na altura do peito).

Deixe seu comentário: