Últimas Notícias > Magazine > Dicas de O Sul > AJE recebe o Secretário Ruy Irigaray para edição especial do projeto Café Político

O WhatsApp Business é atualizado e agora permite criar catálogo de produtos

O proprietário de qualquer negócio pode inserir todo o seu catálogo de produtos dentro do Whatsapp Business. (Foto: Reprodução)

O WhatsApp tem se tornado um grande aliado de pequenas empresas, uma vez que o mensageiro pode ser usado para encomendar produtos e serviços. Por isso, recentemente o aplicativo ganhou uma versão exclusiva para esse tipo de usuário.

No entanto, o WhatsApp Business ainda não contava um recurso importante: o catálogo de produtos. Agora, pensando nesse público, o mensageiro finalmente liberou a novidade com uma atualização.

Com isso, o proprietário de qualquer negócio pode inserir todo o seu catálogo de produtos dentro do mensageiro. Isso deve facilitar a interação com o cliente, uma vez que ele terá acesso a tudo o que está sendo comercializado

Além de trazer o nome e a imagem do produto, o mensageiro disponibiliza até mesmo o campo de preço. Com isso, a conversa do vendedor com o seu cliente pode ser muito mais ágil e evitar o redirecionamento para um site externo, por exemplo.

Além disso, o vendedor economizará seu tempo. Isso poque não será mais preciso fazer uma lista de produtos, preços e enviar a foto de cada um deles separadamente. De acordo com o WhatsApp, a novidade já está disponível para seu aplicativo Business no Brasil, Alemanha, Índia, Indonésia, México, Reino Unido e Estados Unidos.

Para ter acesso ao recurso, o usuário do mensageiro precisa apenas fazer o download da atualização na loja do Android ou iOS. Já o resto do mundo só deve receber a novidade em updates futuros.

Banindo grupos

O WhatsApp está banindo grupos que contêm nomes que façam referências a ações criminosas. Segundo levantamento do site WABetaInfo, várias pessoas têm informado que foram expulsas da plataforma, simplesmente por estarem em um grupo deste tipo.

Um deles colocou o problema no Reddit, dizendo que participava de um grupo da escola, até que um dos usuários mudou o nome para “algo ilegal”, sem especificar o quê. Com isso, todo o grupo foi também banido da plataforma, mesmo que não tenha feito nenhuma ação para isso.

Quando site divulgou esta informação no Twitter, outras pessoas também informaram que tiveram o mesmo problema. “Aconteceu comigo. Eu estava em um grupo cujo nome era algo ilegal e fui banida só por isso. Tive de arrumar outro número”, disse pelo Twitter.

Os usuários ainda apontam que tentaram falar com o suporte do WhatsApp, mas que receberam informação de que foram banidos por violar os termos de serviço. Desde então, não receberam mais respostas.

WhatsApp se pronuncia

O Canaltech entrou em contato com o WhatsApp para confirmar se isto acontece também com usuários no Brasil e entender o que se pode fazer em uma situação como esta. A empresa confirma que pode haver este banimento por sistema automatizado, considerando quaisquer informações que não são criptografadas. “O WhatsApp conta com sistemas avançados de machine learning para detectar contas que violam as diretrizes do app e se vale de todas as informações não criptografadas disponíveis, incluindo relatórios de usuários para detectar e prevenir abusos. O WhatsApp também tem uma penalidade por comportamento abusivo: o banimento da conta”, informou a empresa.