Últimas Notícias > Notícias > A “Primavera dos Museus” agita a programação cultural de Porto Alegre nesta semana

Polícia investiga morte de advogado na Cidade Baixa

Jovem comemorou os 28 anos no início de janeiro. (Imagens: Reprodução Internet/ Facebook)

O advogado Gabriel Pontes, baleado na tarde desta terça-feira (26), tinha completado 28 anos em janeiro deste ano. Segundo o Departamento de Polícia Metropolitana, as investigações continuam, ouvindo pessoas ligadas à Gabriel e também testemunhas que estavam próximas ao lugar onde aconteceu o crime. A polícia ainda não afasta nenhuma hipótese. A primeira suposição foi latrocínio (roubo seguido de morte), mas a suspeita de homicídio cresceu, porque o responsável pelos disparos deixou o capacete na moto ao balear Gabriel, podendo indicar que queria ser reconhecido. Também causou estranheza o fato de que poucos pertences do advogado foram roubados. O suspeito ainda não foi identificado.

O jovem recebeu diversas homenagens, entre elas, do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Sul (OAB/RS). Em nota, o presidente do órgão no estado, Ricardo Breier diz estar sensibilizado com a morte violenta de Gabriel:

“A Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Rio Grande do Sul, com pesar, comunica o falecimento do advogado Gabriel Pontes Fonseca Pinto, 28 anos, inscrito na OAB/RS com o número 112.074. Pinto faleceu na tarde desta terça-feira (26), em Porto Alegre, vítima de violência urbana. Ele ainda foi socorrido, mas faleceu no Hospital de Pronto Socorro da capital gaúcha.

O presidente da OAB/RS, Ricardo Breier, sensibilizado com a perda do jovem advogado, afirmou repudiar mais uma morte violenta. “Temos que seguir firmes contra a violência. Perdemos um jovem colega, que entra para as tristes estatísticas da insegurança pública”, registrou. “Vamos acompanhar a devida apuração dos fatos e esclarecimentos sobre a morte deste jovem advogado”, pontuou Breier.”

Mais de 70 pessoas deixaram mensagens nas redes sociais de Gabriel, lamentando a perda e desejando pêsames para família e amigos. Entre as lamentações, alguns questionaram: “Que mundo é este?”.

 

Deixe seu comentário: