Últimas Notícias > Capa – Magazine > Eduardo Bolsonaro passa final de semana em Bento Gonçalves, na Serra gaúcha

Obras de melhorias na estação rodoviária de Porto Alegre devem iniciar em setembro

Com a concessão, está previsto o investimento em torno de R$ 77 milhões em obras e R$ 500 milhões em despesas operacionais. (Foto: Fábio Mariot/Daer)

Em setembro, a rodoviária de Porto Alegre deve começar suas obras de modernização. Após a solicitação de uma licitação, a possibilidade de melhorias e investimentos previstos pelo governo estadual estão cada vez mais próximas de acontecer. Diariamente cerca de 15 mil pessoas circulam pelo local, dentre embarque e desembarque de viagens e funcionários da rodoviária.

Na última segunda-feira (20), as secretarias de Governança e Gestão Estratégica e de Logística e Transportes e o Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), concluíram a consulta pública que tratou sobre a concessão da estação. Este processo faz parte das etapas do processo de escolha da nova empresa que administrará o terminal.

Além da escolha a parte burocrática ainda deve passar pela Procuradoria-Geral do Estado, Contadoria e Auditoria-Geral do Estado e pela Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do RS e por fim a Central de Licitações.

São estimados investimentos de aproximadamente R$ 77 milhões em obras e de aproximadamente R$ 460 milhões em despesas operacionais. Dentre as melhorias estão escadas rolantes, elevadores, novas lojas, salas de embarque fechadas e climatizadas, área de táxis coberta, lixeiras espalhadas por toda a área, a distâncias não maiores que 10 metros entre elas e ligação com a Estação Rodoviária da Trensurb, coberta e com acesso direto ao edifício do terminal. A seção da via para desembarque deverá ser dimensionada com, pelo menos, duas faixas, sendo uma de parada de veículos e uma de rolagem. Este espaço de parada também deve ser coberto.

Há 50 anos, a rodoviária de Porto Alegre funciona no Largo Vespasiano Júlio Veppo. Mas um rumor de mudança de local já foi negado pelo Daer, considerando a localização ideal, onde os únicos problemas são as estruturas desatualizadas.

 

 

 

Deixe seu comentário: