Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Setor privado puxa a recuperação do PIB brasileiro

ONG de Santa Cruz do Sul criou Selo Social para reconhecer empresários e comerciantes da cidade

(Foto: Reprodução)

O programa VOA, lançado neste ano pela Ambev para compartilhar com ONGs seus conhecimentos e práticas em gestão, já tem resultados para mostrar e se orgulhar. Um deles vem de Santa Cruz do Sul. Como resultado de sua participação no programa, a ONG Foco Empreendedor lançou um selo social para reconhecer empresários e comerciantes da cidade que quiserem contribuir com a organização.

O VOA tem como objetivo ajudar as organizações sociais a fazerem uma melhor gestão de pessoas, carreiras, orçamento e processos para que elas consigam alcançar seus sonhos grandes com mais qualidade e de maneira mais rápida. Além do conteúdo das aulas, outro diferencial do VOA são seus professores: todos são funcionários da Ambev, especialistas em sua área de atuação, que se voluntariaram para ajudar.

Esses voluntários também são responsáveis por oferecer mentoria personalizada. Assim, cada ONG tem seu próprio padrinho, que é responsável pelo acompanhamento de sua evolução nas aulas, implementação prática do conteúdo e desenvolvimento de um projeto para ser apresentado ao final do curso.

Na Foco Empreendedor, as aulas e encontros do VOA levaram ao desenvolvimento de um projeto de criação do Selo Investidor Social, que será lançado em evento na ACI (Associação Comercial e Industrial) de Santa Cruz do Sul.

“O Selo Investidor Social tem como premissa a sustentabilidade da ONG. Ao aderir ao selo, empresários e comerciantes se comprometem com nossos projetos sociais durante um ano, podendo estender o compromisso. Ao final desse período, é concedido o certificado social reconhecendo o apoio e dando oportunidade para que essas empresas criem um braço social”, explicou Giovana Goretti de Almeida, diretora de projetos da ONG.

Além da Foco Empreendedor, as organizações Arte para Todos e Associação Junior Achievement do Brasil são as representantes gaúchas no VOA, que atualmente oferece, gratuitamente, consultoria em gestão para cerca de 185 ONGs de todo o País. Inicialmente, o programa atenderia 25 ONGs, escolhidas entre quase 2 mil inscritas no processo de seleção aberto pela Ambev no início do ano. A procura, no entanto, foi tão grande que o alcance do programa VOA foi ampliado e passou a oferecer consultoria para outras organizações espalhadas pelo Brasil.

Criado em linha com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 1, 4, 8 e 17 da ONU, que buscam tornar nosso mundo mais inclusivo e sustentável, o VOA oferece apoio às ONGs para que elas atinjam seu maior propósito: transformar o mundo em um lugar melhor.