Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Bolsonaro disse que vai jantar com Trump durante viagem aos Estados Unidos

Os próximos dias devem ser de tempo seco e temperaturas amenas no Rio Grande do Sul

Previsão indica chances de chuva apenas em áreas isoladas. (Foto: EBC)

Nos próximos sete dias, as temperaturas permanecerão amenas e há pouca possibilidade de chuva no Rio Grande do Sul. A informação consta no mais recente Boletim Meteorológico Semanal divulgado pela Seapdr (Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural).

A semana que vem permanecerá com tempo seco na maior parte do Estado. Até este sábado, essa característica, junto com temperaturas baixas, segue predominando em todas as regiões do território gaúcho. Somente no Noroeste há chance de chuvas isoladas nas próximas horas.

No domingo, o ar seco seguirá em evidência, com elevação das temperaturas em todo o Rio Grande do Sul. Entretanto, o deslocamento de uma área de baixa pressão sobre o Uruguai deve provocar uma aumento da nebulosidade e há chances de pancadas isoladas de chuva nas áreas de fronteira.

Já na segunda-feira, a previsão meteorológica é de que o tempo permaneça firme, com sol e nebulosidade variável na maioria das regiões do Estado. Somente na Fronteira com o Uruguai é que persiste a nebulosidade e a possibilidade de chuvas de forma isolada.

A terça e a quarta-feira também devem ser de tempo firme, com temperaturas amenas em todo o Rio Grande do Sul. Os volumes esperados de chuva são baixos e inferiores a 5 milímetros na maioria das regiões gaúchas. No Planalto, Serra do Nordeste e Campanha, os totais devem se aproximar de 10 milímetros. Apenas na Fronteira Oeste, os valores previstos podem ser maiores, oscilando entre 10 e 20 milímetros.

Campanha do Agasalho

Nessa quinta-feira, a Defesa Civil estadual realizou a entrega de roupas infantis, cobertores e brinquedos para o Lar Esperança de Porto Alegre. A instituição com sede no bairro Mario Quintana, na zona norte da capital, atende cerca de 150 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

Foram doadas 800 peças de roupas (infantis e adultas) e 10 cobertores arrecadados pelo governo do Estado na Campanha do Agasalho 2019 (realizada de forma paralela à iniciativa municipal. Além de 200 brinquedos novos. A ação também contou com a presença de dois binômios (dupla de bombeiro e cão) da Companhia Especial de Busca e Salvamento Corpo de Bombeiros Militar do RS.

O Lar Esperança é uma instituição filantrópica fundada há 61 anos por um casal de missionários suecos. O espaço conta com uma escola de Educação Infantil e o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e Acolhimento Institucional (abrigo).

O evento contou com a presença do subchefe estadual de Proteção e Defesa Civil, tenente-coronel Rodrigo Dutra; do presidente do Lar Esperança, Eliezer Vaz; do coordenador pedagógico, Paulo Henriques; do coordenador da Central de Doações do Estado, tenente Marcelo Santos, além integrantes da Defesa Civil, professores e funcionários da entidade.

(Marcello Campos)

Deixe seu comentário: