Últimas Notícias > Notícias > Brasil > A revitalização do SUS, responsável pelo atendimento médico de 75% da população brasileira, está entre os principais desafios do próximo presidente da República

Passagem de bastão: Cuadrado dá a camisa 7 da Juventus a Cristiano Ronaldo

"É mais abençoado dar do que receber", diz o jogador colombiano em postagem no Twitter. (Foto: Reprodução/Twitter)

Velho dono da camisa 7 na Juventus, Cuadrado fez a passagem de bastão na Velha Senhora e entregou o número de forma simbólica a Cristiano Ronaldo. O colombiano ainda postou uma foto segurando a camisa (uma versão antiga, é bem verdade) que o português usará na Juventus, já com o nome do craque impresso nas costas.

“É mais abençoado dar do que receber. A minha benção ao parceiro Cristiano nesta nova aventura️”, postou o colombiano.

Esse tipo de passagem de bastão não é a regra na Europa. O mesmo Cristiano Ronaldo, quando foi contratado pelo Real Madrid, vestiu inicialmente a 9, já que o ídolo Raúl já usava a 7. O mesmo aconteceu, por exemplo, com Zidane, que escolheu a 5 ao chegar ao clube merengue, uma vez que Figo era o dono da 10. Uma exceção à regra foi Neymar ao desembarcar na temporada passada no Paris Saint-Germain. Na ocasião, ele ficou com a 10 de Pastore.

“Cristianomania” já começou

Pouco depois de Cristiano Ronaldo ser anunciado como reforço na última terça-feira, a loja oficial da Juventus começou a comercializar a camisa do atacante. O sortudo a comprar o primeiro uniforme com o nome do português foi o chinês Ethan Lee.

Depois de nove temporadas no Real Madrid, Cristiano Ronaldo chega a Turim para vestir a camisa bianconera. O jogador tem contrato de quatro anos com o clube, válido até junho de 2022. A Velha Senhora disse que pagará 100 milhões de euros (o equivalente a 447 milhões de reais) ao Real Madrid, divididos em dois anos, – além do valor destinado ao mecanismo de solidariedade, além de outros encargos, avaliados em 12 milhões de euros (cerca de 53,7 milhões de reais).

Cristiano Ronaldo chegou ao Real Madrid, em 2009, logo após vencer da Liga dos Campões com o Manchester United e eleito o melhor jogador do mundo no ano anterior. Na apresentação, cerca de 85 mil pessoas recepcionaram o então jogador de 24 anos, no dia 6 de julho, no Santiago Bernabéu. Os merengues pagaram 94 milhões de euros (431,6 milhões de reais na cotação atual) e viram o investimento se transformar em títulos, quebra de recordes e glórias para o clube.

Durante os 3.291 dias em que Cristiano Ronaldo defendeu a camisa do Real Madrid, o craque ajudou o clube a reconquistar a Europa, com quatro títulos de Liga dos Campeões. Ainda se tornou o maior artilheiro da história do clube, com 450 gols em 438 jogos: média de 1,02 gols por partida.

Deixe seu comentário: