Domingo, 15 de Dezembro de 2019

Porto Alegre
Porto Alegre
30°
Fair

Geral Criada força-tarefa para reprimir roubos no transporte coletivo de Porto Alegre

Unidade irá auxiliar e presidir investigações que envolvam atuação de grupos criminosos em ônibus e lotações. (Foto: PC/Divulgação)

O Secretário de Estado da Segurança Pública, Wantuir Jacini, e o Chefe de Polícia, delegado Emerson Wendt, apresentaram nesta sexta-feira (11) os integrantes da força-tarefa criada para prevenir e reprimir roubos em veículos de transporte coletivo em Porto Alegre.

A coletiva de imprensa aconteceu na 2ª Delegacia de Polícia de Porto Alegre, que ficará responsável pelos casos. Os delegados de polícia Carlos Henrique Braga Wendt e Marco Antônio Duarte de Souza liderarão as equipes. O Chefe de Polícia ressaltou a importância da unidade para dinamizar o trabalho e o atendimento à vítima, centralizando a investigação num só local. “Esperamos que com a criação desta Força-Tarefa possamos melhorar o índice de resolutibilidade neste tipo de crime”, disse Wendt.

Estiveram presentes o Subchefe de Polícia, Delegado Leonel Fagundes Carivali, o Diretor do Departamento de Polícia Metropolitana, Delegado Edilson Chagas Paim, o Diretor da DPRPA, Delegado Cléber Ferreira e o Comandante do Policiamento da Capital, Tenente-Coronel Mário Ikeda. Também compareceram outras autoridades, profissionais e representantes do transporte coletivo e entidades de classe.

Presos

Dois suspeitos de participar de uma série de incêndios a ônibus e uma lotação em Porto Alegre em dezembro de 2015 foram presos, segundo a PC (Polícia Civil). Os sinistros foram cometidos em protesto contra a morte de um jovem após confronto com a Brigada Militar no bairro Cascata. Wellington Luiz da Silva Rabelini, de 21 anos, foi detido no começo deste ano, e Mateus Teixeira de Souza, de 20, foi localizado na noite dessa quarta-feira (10). Os dois são da Vila Cruzeiro.

Voltar Todas de Geral

Compartilhe esta notícia:

Carro abandonado em São Leopoldo
Motorista foge de local de acidente e é preso após suposto furto de veículo
“Estamos com ele”, diz manifesto de líderes políticos internacionais em apoio a Lula
Deixe seu comentário
Pode te interessar