Últimas Notícias > Notícias > Mundo > O Uruguai tem falta de maconha: a produção não é suficiente para abastecer os mais de 47 mil consumidores registrados

Polícia Civil fecha montadora que falsificava Ferraris e Lamborghinis

(Foto: Reprodução/ Polícia Civil)

Uma montadora que falsificava Ferraris e Lamborghinis foi fechada na manhã desta terça-feira (16), pela Polícia Civil de Santa Catarina. A empresa ficava no município de Itajaí (SC). No local, foram aprendidos diversos chassis, moldes, ferramentas e fibras relacionadas a delitos contra a propriedade industrial. Os carros eram vendidos para todo o Brasil.

A investigação aconteceu após uma denúncia das marcas italianas Ferrari e Lamborguini Automobili, que informou a fabricação clandestina dos veículos das marcas. Os mandados de busca e apreensão comprovaram a denúncia. Os veículos eram vendidos pelos criminosos por cerca R$ 180 a R$ 250, sendo que, no mercado, eles chegam a custas mais de R$ 3 milhões. Os envolvidos são considerados os principais falsificadores do Brasil.

Deixe seu comentário: