Sexta-feira, 24 de Janeiro de 2020

Porto Alegre
Porto Alegre
26°
Mostly Cloudy

Notícias A prefeitura de Porto Alegre vendeu a folha de pagamento e disse que parte da renda será investida na reforma de 78 escolas

Entre os destinos dos recursos está a construção de quadras esportivas.

Foto: Luciano Lanes/PMPA
Entre os destinos dos recursos está a construção de quadras esportivas. (Foto: Luciano Lanes/PMPA)

Uma parte do dinheiro da venda da folha de pagamento do funcionalismo à Caixa Econômica Federal será investida em melhorias de infraestrutura de 78 escolas da rede pública municipal. Dos mais de R$ 80 milhões que resultarão da transferência, o total de R$ 7.687.209,71 será utilizado em reformas e manutenção das unidades de ensino da Capital.

“Mesmo com a dificuldade inicial nas finanças, fruto de 20 anos de contas no vermelho, a educação sempre foi prioridade do nosso governo. Seguimos investindo na melhoria do aprendizado das nossas crianças”, enfatizou o prefeito Nelson Marchezan Júnior, ao anunciar os recursos nesta sexta-feira (6).

A venda da folha é uma medida que foi tomada em governos anteriores, em três oportunidades, para cobrir despesas de pessoal e custeio da máquina, tendo ocorrido pela última vez em 2014. Agora, pela primeira vez os recursos serão alocados em investimentos para beneficiar diretamente os cidadãos, sem a utilização no caixa único da prefeitura para despesas correntes.

De acordo com o secretário municipal de Educação, Adriano Naves de Brito, eles serão muito bem-vindos para qualificar a estrutura oferecida aos estudantes. “O dinheiro será utilizado, por exemplo, na melhoria das instalações elétricas, manutenção e execução de quadras esportivas, ampliação e compra de equipamentos das unidades de ensino”, explica.

O anúncio chega nna mesma semana em que o governo autorizou a destinação de R$ 20 milhões para criação do FIT/POA (Fundo Municipal de Inovação e Tecnologia de Porto Alegre). Os recursos poderão estimular o surgimento de novas startups, fortalecer o ecossistema de empreendedorismo e gerar soluções que resolvam os desafios da cidade.

A prefeitura também comemora um período de retomada do equilíbrio financeiro após aprovar reformas importantes nos últimos três anos, como a previdência municipal, a atualização da planta do IPTU e a redução de custeio da máquina pública. As medidas resultarão em contas no azul a partir do ano que vem e já se refletem, neste ano, em quase R$ 1 bilhão de financiamentos para impactar na vida de 1,5 milhão de porto-alegrenses.

Voltar Todas de Notícias

Compartilhe esta notícia:

Festival destaca ofertas de carnes exclusivas do Mercado Público
Petrobras utiliza nanotecnologia para extrair óleo e gás
Deixe seu comentário
Pode te interessar