Últimas Notícias > Capa – Caderno 1 > A Argentina investiga se houve uma explosão no local onde o submarino desapareceu

Rede abre espaço para curtas-metragens produzidos por alunos e ex-alunos universitários

O filme “Uma Carta”, da diretora Bruna Giuliatti, integra a programação. (Foto: Divulgação)

Em sua última sessão de 2017, o programa Cinemas em Rede apresenta curtas-metragens produzidos por alunos e ex-alunos de universidades. Nos dias 9 e 16, às 19h, serão apresentados, gratuitamente, oito filmes nas respectivas salas de exibição das instituições dos produtores das obras.

Os títulos têm duração de três a 15 minutos e abordam temas atuais como a questão LGBT, ansiedade, suicídio, entre outros. É uma oportunidade de conhecer diferentes pontos de vista em variados temas em voga na sociedade brasileira.

Os títulos são: “Os segredos que a Cal esconde”; “LGBT de Periferia”; “Habitat”; “QUIM: ERA”; “Uma Carta”; “a n x i e t a t i s”; “Dormente”; “De Passagem”. Após cada sessão, haverá um bate-papo transmitido para outras salas de cinema do circuito universitário pelo serviço de Conferência Web da RNP (Rede Nacional de Ensino e Pesquisa).

Programação:

Nesta quinta (9), serão três universidades participantes: Cine UFPel, Cine UFSCar e Sala Redenção (UFRGS). O bate-papo contará com a participação de Taila Suliman, diretora do filme “QUIM:ERA” (UFPel); “Bruno Oliveira”, diretor do filme “De Passagem” (UFSCar); e “Bruna Giuliatti”, diretora do filme “Uma Carta” (UFRGS).

Já no dia 16, a sessão contará com a participação do Cinema da UFBA, Cine Teatro Vila Rica (UFOP), Cine Arte UFF, Cine Aruanda (UFPB) e Cine Metrópolis (UFES). O bate-papo será com Raphael Aragão, diretor do filme “Habitat” (UFPB), Aleone Higidio, diretor de “LGBT de Periferia”, Camille P. Frambach, diretora de “Dormente”, Luana Cabral, diretora de “Os segredos que a Cal esconde” e Camila Motta, diretora de “a n x i e t a t i s”.

Mais informações no site do programa Cinemas em Rede.

 

Deixe seu comentário: