Últimas Notícias > Capa – Você viu > Dia do Homem: endocrinologistas fazem campanha contra anabolizantes

Sandy e Junior: filas on-line e presencial marcam a pré-venda dos ingressos para os shows da dupla

(Foto: Divulgação)

A pré-venda de ingressos para os dez shows de Sandy e Junior movimentou esta quarta-feira (20) dos fãs da dupla. Filas, tanto on-line quanto presencial, marcaram o início da comercialização dos tíquetes exclusiva para clientes do cartão de bandeira Elo, que segue até esta quinta-feira (21).

Para o público em geral a venda tem início no dia 22 de março, a partir da 0h01min. As entradas ficam disponíveis no site ingressorapido.com.br, com preços que variam de R$ 70 a R$ 520.

Um dos pontos de principal agitação foi o estádio do Pacaembu (zona oeste de São Paulo), que comportou grandes filas que buscavam ingressos para o evento de 24 de agosto no Allianz Parque. Na terça-feira (19), houve anúncio de um novo setor disponível, o que aumenta a capacidade de 37,1 mil pessoas para 45,5 mil.

Outro local com grande movimentação e filas foi a Jeunesse Arena, no Rio, que recebe a dupla em 3 de agosto. Fãs na internet já pedem para que a organização mude o local do show e passem para o Maracanã.

Em Belo Horizonte, visando a capacidade maior de público, a apresentação em 17 de agosto será na esplanada do Mineirão – e não mais no ginásio do Mineirinho. De 12 mil lugares agora ficam disponíveis 24 mil, segundo a organização.

O fluxo de fãs na compra pela internet também foi enorme. Quem entrava na fila online chegava a visualizar mensagens do tipo “Número de usuários na sua frente: 183.368”.

Segundo a Live Nation, ainda há esperanças para os fãs na pré-venda. Embora apareça a mensagem de ingressos esgotados em muitos setores no site, algumas entradas acabam voltando para o sistema após tentativas de compras sem sucesso.

O retorno pode ocorrer por diversos motivos. Por exemplo, pessoas colocam tíquetes no carrinho e não efetivam a compra ou o cartão não passa.

De acordo com Junior, o repertório será basicamente o trabalho que a dupla fez junta. “Não haverá nada da carreira solo”, disse em entrevista coletiva para divulgação dos eventos. E, segundo Sandy, não haverá novas composições. “Será aquilo que o público mais gostava de ver, as músicas, haverá balé no palco, banda grande”.

Turnê Nossa História

12 de julho – Recife (Classic Hall)

13 de julho – Salvador (Arena Fonte Nova)

19 de julho – Fortaleza (Centro de Convenções)

20 de julho – Brasília (Nilson Nelson)

3 de agosto – Rio de Janeiro (Jeunesse Arena)

17 de agosto – Belo Horizonte (Esplanada do Mineirão)

24 de agosto – São Paulo (Allianz Parque)

31 de agosto – Curitiba (Pedreira Paulo Leminski)

13 de setembro – Manaus (Estúdio 5)

14 de setembro – Belém – (Hangar)

Deixe seu comentário: