Últimas Notícias > Notícias > Brasil > Solicitação para antecipação do FGTS acontece até este domingo

Segue o enredo

O Senado aprovou ontem projeto do deputado federal licenciado e ministro Osmar Terra, que combate o tráfico de drogas, entre outras medidas. (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

A Lei de Diretrizes Orçamentárias de 2020 chegou ontem à Assembleia Legislativa, prevendo déficit de 4 bilhões e 300 milhões de reais. Repete-se o capítulo de uma longa novela que foi se agravando, mesmo com muitos partidos de posições opostas, tendo passado pelo poder.

Agora é tarde

Não foram poucos os alertas, no decorrer do ano passado, de que os interessados deveriam coparticipar da elaboração e discussão sobre o orçamento com técnicos do Executivo. Nem que fosse necessário desencadear a operação pé na porta. Quem reclama agora só terá chance em 2021, se não esquecerem de entrar em ação.

Fantasia

A partir da próxima segunda-feira, estará aberto o prazo de 15 dias para apresentação de emendas populares à Lei de Diretrizes Orçamentárias. Perda de tempo. Como nos anos anteriores, serão rejeitadas por falta de recursos.

Tom musical

Em 1952, Dorival Caymmi e Carlos Guinle compuseram e gravaram um disco pelo selo Odeon. No lado A, o samba-canção “Não Tem Solução”. No lado B, “Nem Eu”. Podem ser considerados hinos informais de governos gaúchos. A diferença entre e receita e despesa não tem solução. Mais: nenhum governador consegue resolver.

Pergunta rápida

Quando o poder público se revela impotente para corrigir seus próprios erros e defeitos, como poderá ajudar a sociedade?

Grande avanço

O deputado federal licenciado e ministro Osmar Terra obteve uma expressiva vitória: o Senado aprovou ontem projeto de lei de sua autoria que altera o Sistema Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas. É o mecanismo que coordena medidas relacionadas à prevenção do uso de psicoativos, atenção à saúde de usuários e à repressão ao tráfico. O texto reforça o papel das comunidades terapêuticas no tratamento e facilita a internação contra a vontade do dependente. O projeto segue para a sanção presidencial.

Mais um round

Na sessão plenária da Assembleia Legislativa, ontem, a deputada Luciana Genro foi à tribuna comentar sobre as manifestações estudantis e chamou o presidente Bolsonaro de “idiota e inútil”. Um minuto depois, o deputado Rodrigo Lorenzoni respondeu: “O que foi dito atesta que ele está no caminho certo. Bolsonaro é inútil à esquerda, ao comunismo e ao socialismo.”

Atenção especial

O governador em exercício, Ranolfo Vieira Júnior, tem hoje agenda direcionada. Pela manhã, recebe o Instituto Floresta, que faz doações de equipamentos de combate à violência. Almoça com integrantes da Segurança Pública. À tarde, encontra-se com a Associação dos Delegados de Polícia e o Sindicato dos Agentes de Polícia.

Duas em uma

Na assembleia de julho, o que restou da Eletrosul será incorporado à CGTEE (Companhia de Geração Térmica de Energia Elétrica), atendendo diretriz da Eletrobras. A única exigência dos catarinenses é que a sede continue sendo em Florianópolis. A CGTEE surgiu em 1997, a usina funciona em Candiota e sua dívida vai a 4 bilhões de reais. Já teve 750 funcionários e hoje são 340.

Deu no site

O INSS passou a aceitar contribuições de menores de 16 anos para o cálculo da aposentadoria. É a operação caça ao dinheiro.

Há 35 anos

A crise vem de longe: a 16 de maio de 1984, o governo federal anunciou que aumentaria de 4 para 6 por cento a taxa de combustível, destinada à Previdência. Com isso, pretendia aumentar em 450 bilhões de cruzeiros (moeda da época) a arrecadação até o final do ano. Ao mesmo tempo, consultaria os grandes bancos, visando obter empréstimos para pagar aposentadorias e pensões de junho.

Nova denominação

Do jeito que anda, dentro de mais algum tempo haverá necessidade de mudar a denominação. De República Federativa dos Brasil para República Federativa dos Sustos. É um a cada dia.

Deixe seu comentário: