Últimas Notícias > Capa – Magazine > Dany Bananinha confirma gravidez de seu primeiro filho e diz que é “presente inesperado”

Semana Farroupilha inicia com a chegada da Chama Crioula ao Piratini

Centelha que chegou neste sábado ao Piratini percorreu 462 quilômetros entre Tenente Portela e Porto Alegre (Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini)

O som de cascos de cavalos avançando pelo Centro Histórico de Porto Alegre prenunciava que o período do ano mais aguardado pelos tradicionalistas estava prestes a começar. Na manhã deste sábado (14), coube ao governador em exercício, Ranolfo Vieira Júnior, receber a Chama Crioula e acender o candeeiro no Palácio Piratini, marcando oficialmente a abertura da Semana Farroupilha.

(Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini)

A cerimônia foi acompanhada por cerca de 20 cavalarianos, que cumpriram fielmente o rito de carregar a centelha, este ano, por 462 quilômetros, distância entre o município de Tenente Portela, no Noroeste do Estado, e a capital Porto Alegre. O ato ocorre desde 1947, espalhando a Chama Crioula pelas 30 regiões tradicionalistas do Rio Grande do Sul.

“Essa chama atravessou o Estado mais um vez pelas mãos desses incansáveis cavaleiros. Quero desejar uma excelente Semana Farroupilha a todos nós. Espero que esse simbolismo todo reacenda a esperança por um Rio Grande melhor”, discursou Ranolfo.

Governador em exercício, Ranolfo recebeu a chama neste sábado (Foto: Felipe Dalla Valle/Palácio Piratini)

Em 2019, a Semana Farroupilha tem como tema a Vida e a Obra de Paixão Côrtes, que morreu no ano passado, aos 91 anos. O presidente do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), Nairo Callegaro, destacou o pioneirismo do folclorista que serviu de modelo para um dos maiores símbolos do Estado: a estátua do Laçador.

“Podemos vasculhar o dicionário e não encontraremos palavras para descrever tudo o que ele nos deixou. Paixão Côrtes mostrou a todos quem é o gaúcho, quem é esse ser que habita o Sul do Brasil. Ele resgatou o orgulho pelo nosso Estado. Só estamos aqui nesse ato por causa dele”, destacou Callegaro.

No encerramento da celebração, o patrono dos festejos farroupilhas, César Oliveira, e os músicos Rogério Melo, Érlon Péricles e Lico Ramos apresentaram a música tema da Semana Farroupilha 2019: Quem Descobriu o Rio Grande. A letra do compositor Diego Muller é uma homenagem ao legado de Paixão Côrtes, que, na composição, é chamado de “o Grande Paixão”.

Também participou do ato a secretária da Cultura, Beatriz Araujo. A Chama Crioula fica no Palácio Piratini até o feriado de 20 de Setembro – ponto alto das comemorações da Semana Farroupilha.

Homenagem aos tradicionalistas

Na tarde desde sábado ocorreu no Salão Negrinho do Pastoreio, também no Palácio Piratini, a solenidade de entrega de títulos de Embaixador e Cônsul Honorário do RS, iniciativa do governo em parceria com o MTG e com a Confederação Brasileira da Tradição Gaúcha. A homenagem aos tradicionalistas foi realizada pelo governador em exercício e pela secretária da Cultura.