Home > Notícias > Brasil > Bombeiros resgatam cadelinha que ficou presa entre as paredes de duas casas; ela passa bem

Surfista dado como morto no Rio está internado em Porto Alegre

Segundo parente, médicos do Hospital Moinhos de Vento negaram morte cerebral antes de retirar órgãos de Lucas. (Foto: Reprodução)

A tarde de segunda-feira (13) trouxe uma reviravolta na situação do surfista Lucas Zuch, dado como morto no sábado (11) após um acidente na praia da Barra da Tijuca, no Rio.

Quando o corpo de Lucas chegou a Porto Alegre, onde teria os órgãos retirados para doação antes de ser velado e enterrado, os médicos do Hospital Moinhos de Vento constataram que não havia quadro de morte cerebral.

Assim, Lucas teve o status de “morto” revertido para “em coma”. A informação foi confirmada pela prima do surfista, Bruna Zuch. Lucas, no momento, está internado em Porto Alegre.

“Quando estavam fazendo exames antes da retirada dos órgãos, viram que ele teve algum tipo de reação, diferente do que havia sido visto anteriormente. Fizeram novo diagnóstico e aí constataram que ele não teve morte cerebral”, disse Bruna, explicando que o estado de saúde de Lucas é crítico.

“Sabemos que a chance dele sobreviver ou de não ter sequelas é bem pequena, seria um milagre. Ele continua em coma e [os médicos] estão exaurindo todas as possibilidades. Estamos numa situação parecida com a de antes, só que com uma pontinha a mais de esperança. Mas a esperança é a última que morre, vamos seguir rezando”, completou.

De acordo com informações da assessoria de imprensa do Hospital Moinhos de Vento, o estado de saúde de Lucas “é grave e no momento ele passa por uma série de exames de avaliação neurológica”.

 

 

 

Comentários

Notícias Relacionadas: