Últimas Notícias > Colunistas > Bolsonaro deverá sancionar Lei da posse de arma em propriedade rural

Suspeito pela morte do próprio sogro é preso na Região Metropolitana de Porto Alegre

O crime ocorreu no dia 23/12/18 na cidade de Palmares do Sul. (Foto: Polícia Civil/Divulgação)

A Polícia Civil, por meio da DP (Delegacia de Polícia) de Esteio, na Região Metropolitana de Porto Alegre, prendeu em Sapucaia do Sul, na manhã desta quarta-feira (13), um homem suspeito pelo homicídio do próprio sogro.

Segundo o delegado André Sperotto, o preso é apontado como principal suspeito de ter matado o próprio sogro, fato ocorrido no dia 23/12/18 na cidade de Palmares do Sul.

Casal foragido

A Polícia Civil, através da Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa, de Gravataí, prendeu, na terça-feira (12), um casal que se encontrava foragido da justiça. Segundo o delegado Eduardo Amaral, o casal se encontrava na condição de foragido da justiça e está relacionado com crimes como homicídios e crimes conexos, tráfico de pasta base de cocaína e roubo a mão armada.

Estelionato

A Polícia Civil, através dos policiais da Delegacia de Polícia de Parobé, prendeu dois suspeitos pelos crimes de estelionato e utilização de documentos falsos, na terça-feira. Um deles estava dentro do banco para fazer um saque de pensão por morte em nome da vítima.

O funcionário da agência desconfiou e segurou o processo. Enquanto isso, por coincidência, a vitima chegou ao banco para sacar seu benefício. O golpista, então, estava tentando sacar o valor, enquanto o comparsa ficava do lado de fora dando cobertura. Esse possivelmente seja o mentor do crime.

Ambos detinham documentos falsificados. Em um primeiro momento, um deles foi preso pelos policiais civis e trazido até a delegacia de polícia. Logo após, de posse de informações, os policiais localizaram o segundo indivíduo na rodoviária tentando fugir. Ele confessou o crime. Funcionários do banco também reconheceram o outro estelionatário.

Deixe seu comentário: