Canela abre a temporada de rodeios no Estado, com programação campeira e artística

O Parque de Rodeios Saiqui já sendo preparado para receber os mais de mil e quinhentos participantes esperados, sendo que a maioria acampa no espaço de muita mata nativa e estrutura de camping, oferecido no local.

As provas artísticas e campeiras abrem espaço para participantes de todas as idades, como os piás e prendinhas que disputam a vaca parada, a partir de 2 anos, até o laço vaqueano, para aqueles que já completaram 70 anos e seguem na vida campeira; ou então aos pequenos artistas que disputam nas modalidades mirins, o troféu de interprete vocal, gaita, declamação e danças tradicionais, mesmos concursos oferecidos para as invernadas juvenis e adultas..

O amor a tradição gaúcha move o Rodeio de Canela que conta também com fandangos nas noites quinta-feira, 9, com Volnei Gomes e grupo Cantando o Rio Grande e Estação Fandangueira; na sexta, 10, Os Tiranos; e, no sábado, 11, Tchê Garotos, sendo que para esta programação, é exigido traje social ou pilcha.

O CTG Querência, realizador do evento também toma o cuidado de receber somente animais com boa saúde, exigindo os exames de mormo e anemia infecciosa, bem como comprovante da vacina da influenza e a Guia de Transporte Animal, para todos os equinos que adentrarem no Parque de Rodeios. O gado, que corre nas disputas de tiro de laço, bem como os animais da prova de gineteada, também contam com vacinação em dia, sendo que os proprietários dos mesmos estão presentes, atestando os cuidados necessários para evitar cansaço aos mesmos e alimentação adequada. O capataz campeiro do Querência Valter Oliveira afirma que “em nosso Rodeio, os animais não sofrem maus tratos e, seguindo normas do Movimento Tradicionalista Gaúcho – MTG, o participante que agredir qualquer animal será advertido, correndo risco, inclusive de ser expulso das provas.

A premiação para os vencedores do evento soma mais de R$ 60 mil.

A parte campeira inicia na quarta-feira, às 9h com confirmação de cavalos crioulos e as provas “Laço Crioulaço”, “Criador” e “Trio”, encerrando no domingo, com as finais do laço Duplas e Gineateada; as provas artísticas, que ocorrem no Centro de Eventos do Santuário de Caravaggio, ao lado do Parque de Rodeios, ocorrem no domingo, 12.

O patrão do CTG Querência Gilnei do Nascimento comenta que, “apesar das dificuldades financeiras que a entidade enfrenta e o alto custo de um evento como o nosso, com a parceira da Prefeitura Municipal de Canela e apoio de algumas empresas, Canela terá, novamente, um grande Rodeio.

O Rodeio de Canela, promovido pela Prefeitura de Canela, não terá cobrança de ingresso ao Parque.

Valores

Ingressos antecipados para fandangos: 20 reais na quinta, 25 reais na sexta e, 30 reais na sexta. Na hora, aumenta 10 reais. Venda antecipada na secretaria do CTG, Bazar do Giba e Star Vídeo, em Canela; e, loja Estância Gaúcha
Mesas para fandangos: 25 reais para sócios e 50 reais para não sócios
Terrenos para acampamento: sócios do CTG Querência R$ 200 por lote, com apresentação do recibo de pagamento da mensalidade do mês de dezembro, sendo liberado apenas 1 lote por sócio. Não sócio R$ 500. Estacionamento R$ 15

Canela se prepara para o seu 34º Rodeio Crioulo Nacional

Faltam poucos dias para o início da 34ª edição do Rodeio Crioulo Nacional de Canela, o primeiro do ano, pelo calendário do MTG (Movimento Tradicionalista Gaúcho). O evento está marcado para a semana que vem, de 10 a 14 de janeiro, no Parque de Rodeios Saiqui.

Ao todo, serão 18 modalidades de provas campeiras, a partir da quarta-feira, mais 20 modalidades de provas artísticas, que ocorrerão no domingo, último dia da programação. Peões e prendas de invernadas artísticas de todo o Rio Grande do Sul e também de Santa Catarina são esperados para o Rodeio.

Além das provas, que cultuam as tradições gaúchas, serão realizados três fandangos, para a festa ficar ainda mais animada. Na quinta-feira, sexta-feira e sábado, a música dos bailes ficará respectivamente a cargo do grupo Os 4 Gaudérios e Eh Vanera, João Luiz Corrêa e Grupo Campeirismo e Grupo Querência.

Para a patronagem do CTG Querência, homenagear pessoas importantes para a entidade deve fazer parte de um grande evento como o Rodeio. Na noite da quinta-feira, será inaugurado o Galpão Sidnei Santos, construído sob a sede da secretaria campeira do Parque. “Trata-se de uma justa homenagem a todos que trabalharam, na década de 1970, para criação e instalação do Parque de Rodeios”, ressaltam os organizadores.

Sidnei Santos, homem que honra as tradições gaúchas até hoje, foi um dos que idealizaram e tomaram a frente dos trabalhos, buscando a doação do terreno para a prefeitura municipal. As terras foram cedidas por Willibaldo Rinaldo Dietrich e, então, alguns peões do CTG Querência ali trabalharam, roçando, delimitando o espaço da cancha de laço, construindo as instalalações da secretaria (que na época eram de madeira) e realizando outras obras necessárias. Todo o material utilizado foi doado por empresários locais e a mão-de-obra foi completamente voluntária.

Homenagens

Na tarde de sexta-feira, antes de iniciar a prova de tiro-de-laço Taça Cidade (que nesta edição será em homenagem a Dário Reis), o diretor campeiro do Movimento Tradicionalista Gaúcho, José Araújo, será responsável por homenagear Pery Fogaça, Pedro Bohrer, Sadi José da Silva e, Erian Fogaça, campeiros que sempre participaram do evento e que recentemente partiram para a Estância Divina.

O Parque Saiqui recebeu manutenção e melhorias para receber os participantes e o público que prestigia o Rodeio Crioulo. A iniciativa conta com o apoio da administração municipal da cidade serrana e também da Brigada Militar.

A entrada no parque será gratuita, exceto no que se refere ao estacionamento, que terá um custo de R$ 15 – a decisão da cobrança para os veículos tem por objetivo principal permitir que o trânsito no local seja melhor organizado. Informações adicionais podem ser obtidas por meio do telefone (54) 3282-2666.