Apontado como sendo o operador do PSDB, Paulo Preto decidiu que não fará delação premiada

O engenheiro Paulo Vieira de Souza, conhecido como Paulo Preto, e tido como operador do PSDB, decidiu que não buscará, por enquanto, nenhum acordo de delação premiada com as autoridades. Diante do ritmo acelerado das investigações contra ele, Souza, que foi diretor da Dersa (a empresa responsável por obras rodoviárias de...

Após uma reunião com o ex-ministro Henrique Meirelles, o líder do MDB no Senado defendeu uma decisão rápida sobre a candidatura à Presidência da República

O ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles reuniu-se nesta quarta-feira (16) com a bancada do MDB no Senado para tentar vender sua candidatura ao Palácio do Planalto pela legenda, e a líder da bancada, Simone Tebet (MS), disse que é preciso ouvir outros postulantes e defendeu que a definição da candidatura...

Por unanimidade, ministros do Supremo decidiram manter na prisão o ex-ministro Geddel Vieira Lima por causa dos 51 milhões de reais encontrados em um apartamento

Por um placar de cinco votos a zero, nessa terça-feira a Segunda Turma do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu manter na prisão o ex-ministro Geddel Vieira Lima. Ele permanece no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, depois que veio à tona o episódio do "bunker", como ficou conhecido o apartamento...

O Superior Tribunal de Justiça negou o porte de arma aos guardas municipais de folga em cidades com menos de 500 mil habitantes

Os ministros da Quinta Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça) decidiram pela impossibilidade jurídica de extensão da concessão de porte de arma, fora do horário de expediente, aos guardas municipais das cidades com população entre 50 mil e 500 mil habitantes. Só nos municípios com população superior a 500...

A decisão do Supremo de restringir o foro privilegiado para deputados federais e senadores provocou uma reação no Congresso

A decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) de reduzir o alcance do foro privilegiado para deputados federais e senadores provocou uma reação no Congresso, de partidos da oposição e da situação. Deputados e senadores querem levar adiante projetos que retiram o foro privilegiado das demais autoridades preservadas na decisão da...

A Justiça gaúcha decidiu que a avenida da Legalidade em Porto Alegre volte a se chamar avenida Castelo Branco

Em julgamento realizado nesta quinta-feira (26), os desembargadores da 3ª Câmara Cível do TJ-RS (Tribunal de Justiça do RS), por maioria, consideraram inválido o processo legislativo que culminou na aprovação da lei que denominou a avenida da Legalidade e Democracia, o logradouro localizado na entrada de Porto Alegre. Em agosto do...

O Grêmio é campeão gaúcho após vencer o Brasil de Pelotas por 3 a 0

Os gremistas comemoraram na tarde desse domingo a conquista de mais um título: o de Campeão Gaúcho. Depois de um início conturbado na competição, o Tricolor se reergueu e sagrou-se campeão do estadual. Após vencer o Brasil de Pelotas na Arena no último dia 1º, por 4 a 0, no jogo...

O Grêmio realiza neste sábado o seu último treino antes da finalíssima do Gauchão, contra o Brasil de Pelotas

Na manhã deste sábado, os jogadores do Grêmio voltam ao gramado do centro de treinamentos Luiz Carvalho, no complexo esportivo da Arena, para a última atividade preparatória antes da segunda partida das finais do Campeonato Gaúcho, contra o Brasil de Pelotas. A primeira parte da sessão terá portões fechados à...

Celebridades e personalidades foram às redes sociais para comentar a decisão do juiz Sérgio Moro, que determinou a prisão de Lula

A publicação da notícia da decretação da prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pelo juiz federal Sérgio Moro, levou celebridades e personalidade para as redes sociais. Com críticas e mensagens de apoio à decisão, artistas, esportistas, humoristas e influenciadores usarem suas páginas pessoais para comentar a decisão do...

A imprensa internacional repercutiu a decisão do juiz Sérgio Moro de mandar o ex-presidente Lula se entregar à Polícia Federal

Minutos após o juiz Sergio Moro determinar que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se entregue à Polícia Federal até as 17h de sexta-feira (6), jornais estrangeiros já publicavam em seus sites a decisão do magistrado. As publicações destacaram a rapidez de Moro, que ordenou a prisão cerca de 18 horas depois...